Barragem Categoria

Nova captação no Paraopeba reestabelecerá abastecimento de água em BH e região
Na última quarta-feira (4), o Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) publicou a Portaria de Outorga 0107810/2019, que autoriza a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) a  realizar a capitação de 5 mil litros de água por segundo (l/s) no Rio Paraopeba. A medida, que faz parte de um acordo entre o Governo de Minas, por meio do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema), além da Copasa, tem como objetivo restabelecer as fontes de abastecimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), garantindo a segurançaLeia Mais
Peças sacras recuperadas na lama são restauradas em Mariana
Cerca de 2.500 peças e fragmentos relacionados a fé católica foram encontrados nos distritos de Bento Rodrigues, Paracatu de Baixo e Gesteira, povoados destruídos após o rompimento da barragem de Fundão, em 2015, no município de Mariana. A tragédia, primeira envolvendo barragens de rejeito, matou 19 pessoas e destruiu ecossistemas. Muitas peças barrocas encontradas datam do século XVIII e possuem grande importância devocional para os moradores. Para as comunidades, as obras representam também um elo cultural e um valor religioso imensurável. Deste modo, recuperar as peças é fundamental para aLeia Mais
Simulado de rompimento de barragem tem 40% de aprovação, em Itabira
O maior simulado de rompimento de barragem realizado no Brasil, aconteceu em Itabira, região central de Minas Gerais, entretanto, apenas 40% das pessoas esperadas participaram. A área pode ser atingida em caso de colapsos das estruturas sustentadas pela mineradora Vale, no município em questão. Das 19 mil pessoas esperadas, apenas 7.770 fizeram o treinamento de simulação. De acordo com o coordenador estadual da defesa civil, a mais rápida a chegar no posto de salvamento levou 15 minutos, já a última, 45 minutos. Com essa simulação, alguns pontos deverão ser avaliadosLeia Mais
Maior simulado de evacuação de emergência do Brasil será realizado em Itabira
A Defesa Civil do Estado de Minas Gerais realizará, neste sábado (17), em Itabira, o maior simulado de evacuação de emergência já feito em todo o Brasil, segundo a  Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec-MG). A previsão é de que o treinamento conte com a participação de aproximadamente 19 mil pessoas residentes em cerca de oito mil imóveis que estão localizados em 27 bairros do município. Estes imóveis se encontram nas chamadas Zonas de Autossalvamento (ZAS) –  áreas por onde o material da barragem passaria  em caso de rompimento eLeia Mais
Temendo novo rompimento de barragem, prefeitura de Brumadinho cobra ações de empresa
A Prefeitura Municipal de Brumadinho (MG) realizou, na última segunda-feira (12), uma reunião com a Emicon Mineração e Terraplanagem, empresa responsável por uma barragem de rejeitos de minério que se encontra em estado de abandono no município. Durante o encontro, foram cobradas medidas para minimizar os riscos de uma nova tragédia, semelhante a que ocorreu no município em janeiro deste ano, quando uma barragem da Vale se rompeu provocando mais de 200 mortes. Entre as reivindicações apresentadas pelo município, estava a realização de uma avaliação técnica sobre a estabilidade daLeia Mais
Brumadinho: barragem desativada há 10 anos preocupa população
Após cerca de sete meses do rompimento da barragem do Córrego do Feijão em Brumadinho, região metropolitana da capital mineira, o medo de um novo rompimento tem amedrontado a população. Na Comunidade Quéias, cinco famílias serão retiradas de suas casas pelo risco de uma nova tragédia, desta vez, pela barragem B1-A da Emicom Mineração e Terraplanagem, que está abandonada há dez anos. Na tarde desta segunda-feira (12), a Prefeitura de Brumadinho convocou uma reunião de urgência com a Defesa Civil de Minas Gerias, o Ministério Público, sócios da empresa, osLeia Mais
Nessa quarta-feira (7), acontece a pré-estréia do filme "O Inimigo do Rei", com produção de André D'élia. O longa-metragem retrata o rompimento da barragem da Barragem de Fundão, que devastou o distrito de Mariana, Bento Rodrigues.
Nessa quarta-feira (7), acontece a pré-estréia do filme “O Inimigo do Rei”, com produção de André D’élia. O longa-metragem retrata o rompimento da Barragem de Fundão, que devastou o distrito de Mariana, Bento Rodrigues. A exibição da obra cinematográfica acontece às 21h20, no Cine Belas Artes, em Belo Horizonte. Além da exibição do longa, um debate será feito com participação de Apolo Heringer Lisboa, ambientalista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), e também do próprio diretor do filme, André D’élia. Começado a serLeia Mais
Barão de Cocais aguarda ajuda de governador Zema há dois meses
Há dois meses, o governador Romeu Zema (NOVO) foi até a cidade de Barão de Cocais para compor ações no município, devido ao risco de rompimento da barragem da Sul Superior da Vale, localizada em Gongo Soco. Após a visita, foi prometido ao prefeito de Barão de Cocais, Décio Geraldo dos Santos (PV), que seria ajudado com as despesas, já que as contas aumentaram com a situação, o que não aconteceu até então. Era esperada a liberação de R$ 14 milhões que foram barrados pelo governador anterior, Fernando Pimentel (PT).Leia Mais
Primeira casa de Bento Rodrigues começa a ser construída
Após quase quatro anos do rompimento da barragem de rejeitos em Bento Rodrigues, as novas casas das famílias que perderam tudo na lama começaram a ser construídas nesta segunda-feira (29). A Fundação Renova, instituição responsável pela reparação dos danos causados pela barragem do Fundão, contratou as empresas HTB e Andrade Gutierrez para fazer as obras. A HTB é responsável por realizar os serviços de infraestrutura e pela construção das residências e demais construções públicas para reassentar os moradores de Bento Rodrigues e a Andrade Gutierrez, dos moradores de Paracatu deLeia Mais
Vale paralisa obras em barragem na cidade de Itabira
A mineradora Vale paralisou as obras na barragem Itabiruçu, em Itabira, na região central de Minas Gerais. No local estavam acontecendo uma obra de alteamento. De acordo com a Vale, não há nenhum risco de rompimento e a medida foi preventiva. Segundo a mineradora, as obras foram paralisadas pois foram identificadas alterações decorrentes de assentamentos no terreno. Vistorias já foram realizadas no local. De acordo com a Vale, a decisão da paralisação foi feita atendendo a orientação do projetista da obra. A mineradora ainda afirmou que, em obras como essa,Leia Mais
Hoje completam seis meses do maior crime ambiental do país
Há seis meses atrás, Brumadinho era atingido pelo mar de lama da Vale. O crime ambiental cometido pela empresa acarretou em 248 mortes, 22 pessoas desaparecidas e afetou 200 km do Rio Paraopeba. Isso porque eram 11,7 milhões de metros cúbicos de rejeitos acumulados e inativos. E, mesmo após tanto tempo, não há as explicações sobre o que levou o rompimento da barragem. Apesar da nota emitida pela Vale dizendo que a barragem em Brumadinho possuía Fator de Segurança de acordo com as boas práticas mundiais e acima da referênciaLeia Mais
Indenização de 83 famílias atingidas em Mariana foram homologadas
Foram homologados, nesta quarta-feira (24), os acordos de indenização de 83 famílias de Mariana atingidas pelo rompimento da barragem de Fundão. A decisão é um avanço no pagamento de indenizações no município, que passou por um processo diferente do restante da região impactada – nas outras cidades atingidas ao longo do rio Doce, cerca de R$ 1,7 bilhão em indenizações e auxílios financeiros emergenciais foram pagos para aproximadamente 350 mil pessoas. Em Mariana, os acordos são individualizados, com valores específicos para cada família, e os processos de homologação consideram oLeia Mais
Por falta de verba, o jornal A Sirene tem sua distribuição interrompida
O rompimento da barragem da Samarco/Vale em Bento Rodrigues, distrito de Mariana, foi uma tragédia que abalou o país. A lama levou consigo todo o distrito e 19 vidas. Por muito tempo, ela foi pauta de grandes veículos midiáticos, mas a realidade é que depois de um tempo, a tragédia acabou sendo esquecida como tantas outras. Para lutar contra esse esquecimento e mostrar as consequências da tragédia na vida dos atingidos é que surgiu o jornal “A Sirene”. Agora, mais uma vez essas pessoas são atingidas. A única forma queLeia Mais
Brumadinho: Vale firma acordo para indenizar familiares de vítimas mortas
Um acordo firmado na última segunda-feira (15), entre a Vale e o Ministério Público do Trabalho (MTP), homologado em Betim, pela 5ª Vara do Trabalho, determina que a mineradora deverá pagar uma indenização de R$ 400 milhões aos familiares de funcionários vítimas da tragédia ocorrida em Brumadinho, em janeiro deste ano. Pelo acordo, fica estabelecido que a empresa deverá pagar cerca de R$ 700 mil para cada cônjuge, companheiro, filho, mãe e pai dos funcionários da empresa que morreram em decorrência do rompimento da barragem da Mina do Córrego doLeia Mais
Barragem se rompe e atinge duas cidades no interior da Bahia
Nesta quinta-feira (11), uma barragem se rompeu na Bahia, entre as cidades Pedro Alexandre e Coronel João de Sá, que ficam a cerca de 450km da capital Salvador. As duas cidades, juntas, têm aproximadamente 35 mil habitantes. O motivo teria sido as fortes chuvas na região. Ainda não há registro de mortos ou feridos. Segundo a Coordenadora da Defesa Civil de uma das cidades atingidas, Carla Leão, algumas casas foram tomadas por terra, que ao se misturar com a água da chuva, se tornou lama. Segundo ela “Algumas casas foram invadidas,Leia Mais
Defesa Civil e CSN testam sirenes em Ouro Preto
A Comunidade de Mota, em Ouro Preto, participou na manhã desta terça (9), de um teste de sirene. A verificação foi realizada pela Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e a Defesa Civil. Segundo a mineradora, o objetivo do teste foi averiguar o alcance do som emitido pela sirene. Os moradores não foram retirados do local, mas estavam cientes do teste. Conforme informado pela CSN, a comunidade e os trabalhadores da empresa foram avisados via panfletos e circulação de carros de som. A verificação também aconteceu dentro das mediações da empresa. OLeia Mais
Dez suspeitos de aplicar golpe em indenizações da Vale são presos
A Polícia Civil prendeu 10 pessoas suspeitas de aplicar golpe para receber indenizações da Vale pelo rompimento da barragem em Brumadinho. Na segunda-feira (8), três pessoas foram presas. As outras sete já haviam sido detidas na última quinta-feira (4). Os suspeitos falsificaram documentos, alegando que moravam em Brumadinho e teriam sofrido perdas com o rompimento da barragem. Os moradores do município em questão têm direito a indenização, por acordo com o Ministério Público. Entretanto, parte do grupo de suspeitos, moravam em Sarzedo, cidade vizinha de Brumadinho. Então, dos 10 presos,Leia Mais
CPI aponta 14 responsáveis pelo rompimento da barragem de Brumadinho
O senador Carlos Viana (PSD-MG), responsável pela CPI que investiga a tragédia em Brumadinho, vai apresentar, ainda nessa terça-feira, o parecer solicitando o indiciamento de 14 pessoas que seriam diretamente culpadas pela tragédia. Dentre elas, estão o ex-presidente da Vale, Fabio Schvartsman, e também alguns empregados da empresa alemã Tüd Süd, responsável pela regulamentação da segurança da barragem. O indiciamento se deve a ligação dos cargos a que estes ocupavam com às irresponsabilidades fiscais do desastre. Segundo o senador, há um ano a estrutura da barragem já apresentava sinais gravesLeia Mais
A detonação de explosivos dentro do complexo onde fica a mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, foi confirmada ontem (25), pelo delegado Luiz Otávio Paulon, da Delegacia de Meio Ambiente de Minas Gerais, data que a tragédia completa exatos 5 meses. Segundo o delegado, as detonações teriam acontecido pouco tempo antes do rompimento da barragem, que aconteceu em 25 de janeiro. No entanto, a Vale nega que o fato tenha ocorrido antes do rompimento da barragem de Brumadinho. Apesar da informação divulgada, não se sabe se o episódio influenciou oLeia Mais
Barão de Cocais e Santa Bárbara voltarão a minerar até 2020
A empresa de mineração Serra Azul anunciou que irá iniciar as atividades de extração de minério em Barão de Cocais e Santa Bárbara. Entretanto, a empresa afirmou que irá fazer mineração a seco, sem o uso de barragens. As atividades estão previstas para começar no início de 2020, na Mina Dois Irmãos. Anselmo Costa, diretor de Produção da mineradora afirmou que o processo para início das atividades mineradoras estão bem adiantados. De acordo com o diretor: “Estamos aguardando a análise da Superintendência Regional de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Supram).”.Leia Mais