O que você procura?
Renova banner


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Comerciantes de Ipatinga fazem carreata pedindo reabertura do comércio

Redação Mais Minas 27 de março de 2020 às 09:35
Tempo de leitura
3 min

Comerciantes da cidade de Ipatinga, localizada na região do Vale do Aço, fizeram uma carreata ontem (26), para pedir a reabertura do comércio local, fechado como forma de prevenção à contaminação do novo coronavírus (COVID-19). Os manifestantes fizeram um comboio de carros, que seguiu em buzinaço, do parque Ipanema, no bairro Veneza, até a porta da prefeitura, no centro da cidade.

De acordo com os manifestantes, cerca de 300 pessoas participaram do movimento pedindo o retorno das atividades comerciais em Ipatinga, mesmo que sejam com um contingente reduzido de funcionários. Os comércios da cidade se encontram fechados por decreto válido até a próxima segunda-feira (30), com possibilidade de ser estendido. Os comerciantes garantem que tomarão as medidas necessárias de higiene para prevenção do novo coronavírus. Os prejuízos financeiros e possibilidade de demissões são os principais argumentos dos lojistas que pedem a volta do comércio.


Boletim epidemiológico

No último Boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), datado de ontem (26), constavam, para a cidade de Ipatinga, um caso confirmado do novo coronavírus, 637 casos suspeitos e sete descartados, totalizando 645 notificações.

Nota da Prefeitura

A Prefeitura de Ipatinga se manifestou a respeito da passeata por meio de nota oficial. Confira o comunicado na íntegra:

A Prefeitura Municipal de Ipatinga esclarece que respeita todo e qualquer tipo de manifestação, sendo algo legítimo da democracia, desde que não atente contra a integridade física dos servidores e tampouco contra o patrimônio público, e não poderia ser diferente com os nossos comerciantes.

A Administração reitera sua preocupação com a retomada do funcionamento do comércio de portas abertas, uma vez que a economia do município precisa girar para que não haja um colapso financeiro.

Porém, amparados pelas recomendações do Ministério da Saúde e do Governo Estadual, continuam em vigor as medidas de isolamento social adotadas em todos os continentes e que hoje já mantém em quarentena cerca de 1/3 da população do planeta ou mais de 2,6 bilhões de pessoas.

Com prioridade máxima para a saúde pública, mas obviamente sem desconsiderar os aspectos econômicos envolvidos (tanto que, desde a primeira hora, os atendimentos em delivery estão liberados e funcionam também supermercados, padarias, farmácias, postos de combustíveis e outros serviços essenciais), seguimos monitorando atentamente os números da Covid-19, e dialogando abertamente com todos os segmentos, inclusive os comerciantes.

Informamos também que estamos trabalhando incessantemente a fim encontrar o momento e a forma adequada para que todos os segmentos possam ser reabertos sem que a saúde pública possa ser comprometida em meio a essa terrível pandemia. Diariamente, a Secretaria Municipal de Saúde divulga, sempre por volta das 16h, o boletim epidemiológico devidamente atualizado com os números de casos suspeitos, confirmados e descartados.

Veja também: Saiba os requisitos para receber R$ 600 do governo durante epidemia

Inscreva-se no nosso boletim informativo

Inscreva-se para receber as principais notícias veiculadas no nosso site em sua caixa de entrada, uma vez por dia.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.

Última atualização em 13 de setembro de 2021 às 17:03