O que você procura?
Renova banner


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Em BH, estações de ônibus recebem barreiras sanitárias para evitar a propagação do coronavírus

Carla Cruz 21 de julho de 2020 às 14:13
Tempo de leitura
1 min

Para evitar a propagação do coronavírus foram montadas, nesta segunda-feira (20), em Belo Horizonte, barreiras sanitárias nas principais estações de ônibus da cidade. Em transportes intermunicipais a ação já era feita na entrada da capital mineira.

As barreiras foram montadas nas unidades da Pampulha, Barreiro e São Gabriel e buscam evitar a propagação do novo coronavírus. Assim, equipes da Secretaria de Saúde e a Guarda Municipal serão responsáveis por medir a temperatura e realizar questionários rápidos com os passageiros.


Para melhorar a segurança dos passageiros e dos funcionários, a Prefeitura de Belo Horizonte determinou uma série de medidas de prevenção para o transporte público. Entre elas está a limitação de passageiros em cada ônibus e a disponibilização de álcool em gel.

Para quem descumprir essas medidas, o valor da multa é de R$ 539,50. A Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) e o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (Deer) já aplicaram juntos mais de 10 mil multas.

Leia também: Prefeitura de BH começa a aplicar multa de R$ 100 para quem não usar máscara

Inscreva-se no nosso boletim informativo

Inscreva-se para receber as principais notícias veiculadas no nosso site em sua caixa de entrada, uma vez por dia.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.