Campeonato BrasileiroCruzeiroFutebol

Cruzeiro amarga mais uma derrota no Campeonato Brasileiro

Mesmo diante do seu torcedor, a Raposa não conseguiu vencer no brasileirão

O Cruzeiro acumulou mais uma derrota, na noite deste domingo (26). Dessa vez, o algoz celeste foi a Chapecoense, que triunfou por 2 a 1. Se jogar longe da sua torcida era uma justificativa para os últimos resultados, a partida de hoje jogou o argumento por terra. A Raposa agora acumula três derrotas seguidas no campeonato e a pior defesa com 13 gols sofridos.  

O jogo

Todos os gols da partida aconteceram no segundo tempo. O Cruzeiro estava jogando ao lado do torcedor no Independência e contou com o apoio e também as vaias da torcida. Mano Menezes armou um time diferente com apenas um volante e cinco meias.

A equipe celeste teve a maior posse de bola. Dessa forma, foi possível fazer um bom volume de jogo, mas teve erros bobos e não conseguiu finalizar. Em 15 chutes a gol, dez foram para fora.

A Chapecoense por outro lado, jogou esperando oportunidades de contra-atacar. E foi dessa forma que a Chape abriu o placar no Horto. Aos seis minutos do segundo tempo, Rildo aproveitou rebote de Fábio e marcou o primeiro da partida: 1 a 0 para a Chapecoense.

Mas cinco minutos depois, Thiago Neves marcou um verdadeiro golaço para o Cruzeiro. O camisa 10 limpou e chutou de canhota, estufando as redes. Tudo igual no Independência: 1 a 1 no placar.

Porém, a pintura não foi o suficiente para evitar a derrota celeste. Aos 39 minutos da segunda etapa, Diego Torres cabeceou e Fábio não conseguiu defender: 2 a 1 no placar e vitória da Chapecoense fora de casa.

Agenda

O Cruzeiro volta a campo no domingo (02), contra o São Paulo no Morumbi. A partida será às 16h e vai ser válida pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

CRUZEIRO 1 X 2 CHAPECOENSE

Motivo: 6ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data: 26/05/2019 (domingo)

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte-MG

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva – FIFA (PA)

Gols: Rildo (Chapecoense), aos 6 min do 2T; Thiago Neves (Cruzeiro), aos 11 min do 2T; Diego Torres, aos 39 min do 2T

Cruzeiro: Fábio; Lucas Romero, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Robinho, Rodriguinho (Pedro Rocha), Marquinhos Gabriel (Lucas Silva) e Thiago Neves (David); Fred. Técnico: Mano Menezes

Chapecoense: Tiepo; Caique Sá (Bryan), Gum, Douglas e Bruno Pacheco; Elicarlos, Márcio Araújo, Campanharo (Diego Torres) e Arthur Gomes; Everaldo e Rildo (Aylan). Técnico: Ney Franco

Cartões amarelos: Dedé (Cruzeiro); Bruno Pacheco, Bryan e Rildo (Chapecoense)

Deixe seu comentário

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar