O que você procura?


Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa

No tocante aos vegetais, a biodiversidade, ainda, é muito ampla, não apenas no Brasil, como em diversos lugares ao redor do mundo.

Rômulo Soares 27 de agosto de 2021 às 18:08
Tempo de leitura
6 min
Foto: Biblioteca de Imagem do Canva
Foto: Biblioteca de Imagem do Canva

No tocante aos vegetais, a biodiversidade, ainda, é muito ampla, não apenas no Brasil, como em diversos lugares ao redor do mundo. Algumas opções de plantas raras são boas para cultivar em casa, contudo demandam determinados cuidados especiais, sobretudo, paciência.

As plantas exóticas estão presentes em projetos paisagísticos por, principalmente, possuir diferenciais quanto às cores, formatos e troncos. Fatores importantes como o fácil cultivo devem ser levados em conta antes de escolher quais plantas levar para casa.

As plantas exóticas, ou raras, são aquelas capazes de se desenvolverem em ambientes que não sejam os de suas origens. Sendo assim, elas sobrevivem, muitas vezes, a longas viagens e se adaptam bem a biomas diferentes dos originais.

Plantas não originais do Brasil começaram a ser trazidas durante a colonização. Mesmo período em que foi descoberto o Pau-brasil, uma planta natural do país, que teve muitas mudas levadas, a navio, para a Europa.

Depois disso, com as facilidades no transporte, principalmente o aéreo, dezenas de outras plantas vieram “viver” no Brasil, e, junto com a flora brasileira, formam belas paisagens. Algumas dessas plantas já estão há tanto tempo no país que são confundidas com as nativas, alguns exemplos são: bambu, eucalipto, pinheiro, mamona, entre outras.

Mas não são apenas as plantas exóticas que são raras, há também opções de nativas que são além de difíceis de encontrar no Brasil, exigem cautela no cultivo. 

Opções de plantas raras 

Flor do Pau-Brasil

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa 
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

A Flor do Pau-Brasil é muito difícil de encontrar, principalmente pela longa exploração de sua árvore, realizada entre o século XVII e XVIII no país. Da planta que deu nome ao país brotam belas flores amarelas com manchas no vermelho, elas possuem um aroma adocicado e suave.

Uma das dificuldades de encontrar essa flor se dá também pelo fato de ela, quando floresce, permanecer aberta por no máximo 15 dias. Algumas delas duram apenas 24 horas. 

LEIA TAMBÉM:  Dicas imperdíveis para economizar no delivery

Zamioculca

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa 
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

Original da África, mais precisamente da Tanzânia, a Zamioculca (ZZ) é uma planta com características bem marcantes. A folhagem tem espessura mais grossa, cor verde bandeira e bastante brilho.

Para cultivar a ZZ é preciso ter paciência, pois ela demora aproximadamente um ano somente para gerar a muda, e mais outros tantos para se tornar a planta imponente que costumamos ver em fotos. Entretanto, sua beleza é tamanha que vale a pena esperar.

O hábito de plantar costuma nos ensinar muito sobre os ciclos da vida e nos faz refletir sobre como é importante enxergar as fases como estações, pois tudo é passageiro.

Justamente pela demora em germinar que a zamioculca pode ser considerada uma planta rara, afinal, para encontrá-la não basta simplesmente ir a uma floricultura. Há todo um trabalho envolvido. 

Flor-de-lábios

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

Você já imaginou uma flor que possui o formato de uma boca feminina que recebeu batom vermelho? Pois é, essa é a proposta da psychotria elata, também conhecida como flor-de-lábios, e outros nomes mais vulgares que não cabe mencionar aqui.

Nativa da Colômbia, a flor-del-lábios pode ser considerada difícil de encontrar, pois está ameaçada de extinção, decorrente do desmatamento.

Além de ser achada em florestas colombianas, a planta de formato singular também pode ser vista em alguns poucos lugares selvagens do Panamá, Costa Rica e no Equador. 

LEIA TAMBÉM:  4 dicas para deixar o quarto dos seus filhos mais colorido

Lírio Lágrimas de Nossa Senhora

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa 
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

Com pétalas em formato de fios, a Lírio Lágrimas de Nossa Senhora é uma planta singela. Ela é muito especial pois, além de possuir flores bastante diferentes das tradicionais, têm folhagem variegata, que são aquelas cuja partes das folhas não possuem clorofila, por isso as folhas não são completamente verdes, algumas partes são amareladas, formando um desenho diferenciado.

Middlemist vermelha

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa 
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

Com um vermelho jamais visto, a middlemist é considerada uma das plantas mais raras (se não a mais rara) do mundo. Ela é nativa da China, mas “se deu bem” na Alemanha.

A planta, que é muito cobiçada entre biólogos, agricultores e admiradores em geral é da família das camélias. Ela já chegou a desaparecer do planeta e foi encontrada 16 anos depois no jardim do sexto duque de Devonshire, no Reino Unido. O jardim é considerado a maior coleção de camélias mundial. 

Manacá-da-serra

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

O brasileiro tem muito com o que se orgulhar, além de ser um país plural em cultura abriga plantas de interesses mundial. O manacá-da-serra é uma delas.

Típica da Mata Atlântica, a árvore manacá pode chegar a 10 metros de altura. Outra curiosidade intriga os estudiosos, ela nasce branca e ao longo da vida, gradualmente, vai ganhando cor até ficar completamente roxa.

A manacá-da-serra floresce entre a primavera e o verão, as flores possuem pétalas pequenas e bem delicadas.

LEIA TAMBÉM:  Cinco dicas para comprar em uma floricultura online

Vitória Régia

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

Com origem também no Brasil, a Vitória Régia tem origem na Amazônia. Suas grandes folhas arredondadas ganharam o coração de milhares de cultivadores, entretanto, por ser uma planta aquática, seu cultivo em casa não é tão comum.

Geralmente as pessoas que apreciam decoração de quintal com grande fontes ou pequenos lagos artificiais optam pelo cultivo da Vitória Régia, afinal é uma planta sem igual.

É um vegetal com muitas curiosidades, uma delas é o fato de suas flores  abrirem somente no período da noite e mudarem de cor, de verde para branco, durante essas horas. Às 9 horas da manhã elas se fecham e voltam a ficar rosa. Muita vida, não?

Protea

Conheça alguns tipos de plantas raras para cultivar em casa 
Foto: Biblioteca de Imagens do Canva

A flor que teve o nome inspirado no deus grego Proteus é nativa da África do Sul. Ela é considerada uma das flores mais antigas do mundo. A protea é muito resistente. Ela é capaz de sobreviver em ambientes mais severos com solo e clima desfavoráveis, sem dúvida, uma flor guerreira.

Inspiração para muitos estilistas,foi diversamente desenhada em peças de roupa, bolsas, chapéus e até mesmo em acessórios como brincos, anéis e pingentes.

O conceito dessa planta é tão forte e está tão enraizado que seu nome é usado em diversas ONGs de acolhimento às mulheres. No Brasil, ela é o nome de um instituto que assiste mulheres diagnosticadas com câncer de mama, afinal, essas, assim como a planta, precisam se adaptar a uma nova realidade e até mesmo a novos ambientes quando adquirem a doença.