22.4 C
Belo Horizonte
domingo, 25 setembro 2022

O futuro dos campeonatos estaduais

Veja quais são os principais problemas que os campeonatos estaduais possuem que podem causar o seu fim
Portal Mais MinasFutebolAtléticoGoleador experiente: Artilheiro do Mineiro, Ricardo Oliveira celebra boa fase no Galo

Goleador experiente: Artilheiro do Mineiro, Ricardo Oliveira celebra boa fase no Galo

Ricardo Oliveira chegou ao Atlético sob o olhar desconfiado de parte dos torcedores. O jogador de 37 anos se apresentou em janeiro na Cidade do Galo com salário bem abaixo de seu antecessor, Fred. Porém hoje, aos poucos, a desconfiança da torcida ganha tom de esperança pois, afinal, o atacante já é o artilheiro do time com 8 gols marcados em 16 partidas, demonstrando que, muita das vezes, a idade pode ser um mero detalhe.
Com os 2 gols marcados na primeira partida da final do Campeonato Mineiro no último domingo (01/04) contra o Cruzeiro, no estádio Independência, Ricardo Oliveira é  hoje o principal artilheiro do time, contabilizando o total de 8 gols em 16 partidas, sendo que 2 deles foram marcados pela Copa do Brasil e, 6, pelo Campeonato Mineiro. Deste modo, ele divide hoje a artilharia do campeonato com o atacante Aylon do América. Porém, com a segunda partida da final, que acontece no próximo final de semana, o camisa 9 do Galo vai ter a chance de se isolar na artilharia.
Em entrevista ao programa Seleção SporTV do grupo Globo de televisão, o atacante apontou que o desafio foi um dos principais motivos que o levou a acertar com o Atlético.
“Sou movido a desafios. Você pode achar estranho para um cara que vai agora cumprir 38 anos e já jogou na Europa e Seleção Brasileira.  Eu conquistei, enfim, vários troféus na carreira, títulos importantes. Ser movido a desafios, acho que isso é o que mais me move, me faz crescer e provar de um outro clube, em um outro estado, já que só tinha jogado no estado de São Paulo. Vim pra minas e, vestir a camisa do Atlético, sentir o calor dessa torcida. (…) Joguei contra o Atlético aqui e, de fato, o torcedor marca e ele faz muita diferença”. disse o jogador.
Oliveira também falou sobre sua chegada no Galo e o atual momento time.
“Fui recebido muito bem. Haja visto, tenho raízes mineiras, porque meu pai era mineiro aqui de Guaxupé. Então estou me sentido em casa, fui bem recebido pelos companheiros, pelo povo mineiro, pelos torcedores do Atlético e pelos funcionários do Clube, então enfim.. . acho que com a cabeça boa, se sentido bem, os resultados, eu tinha certeza que iriam aparecer. Sabendo do meu potencial e, claro, também, a dedicação, os treinamentos, o empenho, todos os dias e contando também com a cooperação coletiva, porque é isso que funciona dentro de um time”, finaliza.
Dedicação dentro e fora de campo
O bom desempenho dentro de campo é digno de elogios pois, apesar da idade, Ricardo Oliveira tem demonstrado raça, vontade e muito preparo físico, ingredientes que costumam agradar a exigente e apaixonada torcida atleticana. Parte disso, certamente, se deve a dedicação do atleta também fora de campo. Antes de fechar oficialmente um contrato  com o Galo, o artilheiro já se preparava para o início da temporada. O atleta chegou a divulgar vídeos em suas redes sociais fazendo treinamentos sozinho na areia, assista:

Você pode gostar também:

RECENTES

Veja também sobre: