Com força máxima, Atlético encara o América nesta quinta-feira

0

Na tarde dessa quarta-feira (21), o Atlético realizou seu último treino antes da primeira partida pelas semifinais do Campeonato Mineiro contra o time do América. Jogo que acontece nesta quinta-feira (22), às 20h, no estádio Independência. E com todos os titulares à disposição, o técnico Thiago Larghi, relaciona 23 jogadores para a partida.
Os relacionados são:
Goleiros: Victor, Michael e Cleiton.
Laterais: Patric, Danilo, Fábio Santos e Samuel Xavier.
Zagueiros: Gabriel, Leonardo Silva, Maidana e Bremer.
Meio-campistas: Adilson, Elias, Gustavo Blanco, Cazares, Yago e Tomás Andrade.
Atacante: Róger Guedes, Luan, Erik, Otero, Carlos e Ricardo Oliveira.
O técnico comentou sobre as possibilidades de escalação da equipe. “Em princípio, ainda estamos definindo, estudando as características do América para ver como seria a melhor forma de encarar essa partida. Ainda não está 100% definido, ainda estamos analisando, mas acho que qualquer um que jogar, Erik, Otero, Luan, Roger Guedes ou Tomás, todas as opções que temos são jogadores que estão entrando muito bem e que irão cumprir a função de acordo com o que a gente pensa de estratégia para o jogo”, comentou Thiago Larghi.
Porém, com o que o técnico atleticano tendo a disposição todos os jogadores que atuam normalmente como titulares, a tendência é de que decida entrar em campo com; Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson e Elias; Luan (Otero), Cazares e Erik; Ricardo Oliveira. Diante das últimas escalações feitas por Larghi, mesmo sem confirmar quem serão os escolhidos, acreditamos que essa seja a tendência e, o provável time do Atlético, não fuja muito disso.
O treinador do Atlético também citou o que espera dessa partida, “A nossa função aqui o tempo todo é trabalhar em termos de defender e atacar com a máxima eficiência. A gente sabe que nós sofremos alguns contra-ataques no último jogo, temos plena consciência disso. Consideramos que em algum momento ficamos expostos, mas em decorrência de que tivemos que propor o jogo, em função de querer dominar o jogo. É uma ansiedade que é natural. Vamos tentar impor o jogo amanhã, mas respeitando as cores do América-MG. Vamos procurar defender, porque a gente sabe que é um jogo de 180 minutos, e temos que ter certa cautela”, disse Larghi ao globoesporte.com.
Leia também: