Ultimate magazine theme for WordPress.

Grupo de investimento chinês tem interesse em Minas Gerais

Um grupo asiático chamado Xuzhou Construction Machinery Group (XCMG) foi até a Cidade Administrativa, nesta terça-feira (7), para encontrar com o governador Romeu Zema e tratar sobre interesses de investimento no estado. A comitiva chinesa já abriu seu primeiro banco em Pouso Alegre, no Sul de Minas, com o capital inicial de R$ 100 milhões, e ainda, anunciaram a criação de um parque industrial na área onde uma fábrica de bens de capital foi instalada.

Este será o primeiro parque da China no Brasil. A ideia inicial é de atrair empresas para se agrupar aos fornecedores da XCMG. Para que isso aconteça, o presidente do grupo asiático, Wang Min, pediu ao governador para que haja uma flexibilização burocrática para futuras instalações das empresas chinesas em Minas Gerais.

Romeu Zema, que já é conhecido por ser favorável à desburocratização das aberturas de empresas em Minas Gerais, explicou aos empresários chineses que em seu primeiro ano de gestão foram realizadas simplificações nas áreas tributária e de licenciamento ambiental, para que o empresário não enfrente mais obstáculos dentro do estado.

Além disso, o governador manifestou o interesse de atrair os investimentos chineses para o estado, sinalizando que está de acordo com as condições dos empresários e que quer continuar trazendo empresas para Minas Gerais.

Empresas em Minas

A Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (Jucemg) registrou a abertura de 53.758 novas empresas em terras mineiras em 2019. O número corresponde a um aumento de 15% em relação ao ano anterior, que foi de 46.730. O mês com maiores registros foi o de julho que apresentou 5.276 constituições e crescimento de 31,5% em relação ao mesmo mês de 2018.

Com isso, o estado de Minas Gerais começa o ano de 2020 com 751.450 empresas ativas. Destas, quase 364 mil atuam no setor de serviços, pouco menos de 309 mil estão no setor de comércio, e outras 79 mil são indústrias.

Leia também: Minas Gerais é o segundo estado que mais gera emprego no Brasil

Comentários do Facebook