O que você procura?

Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Lotofácil terá mudanças a partir da próxima segunda-feira (3)

Rodolpho Bohrer 31 de julho de 2020 às 12:22
Tempo de leitura
2 min

Como foi publicado aqui no Mais Minas no último dia 23, a partir do dia 3 de agosto, próxima segunda-feira, a Lotofácil terá seis sorteios semanais, de segunda a sábado. Até então os sorteios ocorriam três vezes por semana, às segundas, quartas e sextas-feiras.

Mas, essa não é a única novidade. A portaria publicada no dia 21 de junho pelo governo federal também autorizou que o limite de números jogados na Lotofácil passe de 18 para 20, ou seja, a partir do dia 10 de agosto, será possível escolher 20 números dentre os 25 possíveis. Contudo, essa aposta, digamos, não será nada barata. Se pra escolher 18 números o preço da aposta da Lotofácil custa R$ 2.040,00, dando uma probabilidade de 1 em 4.006, para a escolha de 20 números, o valor da aposta será de R$ 38,7 mil, para uma probabilidade de 1 em 211.

O valor da aposta de 19 números será R$ 9,6 mil, e sua probabilidade é de 1 em 843.


Outra mudança na modalidade, autorizadas pela Portaria nº 14.901 / 2020 da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (SECAP), órgão vinculado ao Ministério da Economia, é que agora a Lotofácil terá uma reserva de prêmio para os concursos terminados em 0, ou seja, em todos os concursos, parte da arrecadação será acumulada e repassada para o próximo concurso que termina em 0, fazendo com que esse concurso em específico tenha um prêmio mais atrativo em relação aos demais.

Com a mudança, a distribuição dos valores usados ​​na premiação fica assim:

  • 62% do total será destinado aos acertadores de 15 números, a chamada faixa principal de premiação;
  • 13% será para a segunda faixa, ou seja, para quem acertar 14 números entre os 15 sorteados;
  • 10% serão destinados para os concursos finais 0;
  • 15% restantes serão acumulados para a primeira faixa – 15 atos – do concurso realizado em setembro de cada ano, no Lotofácil da Independência.

O horário dos sorteios da Lotofácil permanece o mesmo, sempre a partir das 20h. Os sorteios continuam acontecendo no Espaço Loterias Caixa, em São Paulo, com transmissão da Caixa pelo seu canal no Youtube.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.