Ultimate magazine theme for WordPress.

Mulher é presa por dopar e roubar idoso em bar de Belo Horizonte

Na tarde desta terça-feira (19), uma mulher de 62 anos foi presa suspeita de dopar um idoso de 72 anos em um bar no centro de Belo Horizonte e tentar fugir com objetos de valor dele. A suspeita foi imobilizada pelo gerente do estabelecimento e o homem precisou ser encaminhado para o hospital.

O funcionário do bar disse a Polícia Militar (PM) que a mulher estava consumindo bebida alcoólica junto com a vítima, quando em determinado momento ela colocou uma substância na bebida do idoso. O ato foi flagrado por câmeras de segurança do estabelecimento.

Pouco tempo depois, o homem começou a ficar sonolento, quando ela aproveitou o momento para pegar o celular e a carteira da vítima, tentando sair do bar rapidamente. Entretanto, o gerente ao perceber a movimentação correu atrás da mulher e conseguiu imobiliza-la, em seguida, entrou em contato com a PM, que foi até o local.

Quando a polícia chegou ao bar, o idoso ainda estava acordando, porém não se encontrava lúcido. Segundo informações, ele apresentava falas desconexas e agia de forma inconsciente. De acordo com testemunhas, ele é cliente do bar e nesta terça-feira não havia ingerido bebida alcoólica suficiente para ficar bêbado. Ele foi socorrido e levado para o Hospital de Pronto Socorro João XXIII.

A PM realizou buscas na bolsa da suspeita, onde foram encontradas o celular e a carteira da vítima, um vidro com uma substância ainda não identificada, além de outros medicamentos.

Os funcionários do local afirmaram conhecer a senhora, que também frequenta o estabelecimento, além de contar que ela é suspeita de já ter feito o mesmo ato com outro cliente, que ficou desacordado cerca de três horas.

A mulher negou o crime e afirmou estar ingerindo bebida alcoólica com a vítima desde cedo, passando por bares da cidade e um motel, localizado na região da Pampulha. Além disso, ela afirmou ter pago tudo que foi gasto, mas, quando pediu para que o idoso a pagasse de volta, ele alegou não ter dinheiro, assim, ela pegou o celular para “quitar a dívida” entre eles.

A mulher foi conduzida para Central de Flagrantes da Polícia Civil de Belo Horizonte.

Leia também: Homem é esfaqueado por ex-cunhado em Uberlândia

Comentários do Facebook