O que você procura?
Renova banner


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Ouro Preto atrai 13 empresas com programa de cessão de terreno

Rodolpho Bohrer 13 de dezembro de 2018 às 20:13
Tempo de leitura
3 min

Para incentivar a vinda de novas empresas para Ouro Preto e gerar empregos na cidade, a Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio elaborou o Chamamento SETIC 001/2018. Por meio dele, a administração oferece a cessão de terreno público via lei, autorizada pelo legislativo, por um período de 15 anos para empresas que desejam investir no município e também para aquelas que buscam expandir as unidades já instaladas na cidade.
De acordo com Felipe Guerra, Secretário de Turismo, Indústria e Comércio, o chamamento público é importante para a transparência e oportunidade a todos. “Nascemos como uma cidade mineradora e seremos uma cidade mineradora por muitos anos, no entanto, precisamos diversificar a economia de Ouro Preto. Para isso, precisamos dos pólos industriais para gerar emprego e renda para a cidade”, enfatiza o secretário.
‘Para a seleção das empresas que se inscreveram, foi criada uma comissão técnica contendo as secretarias de Turismo, Indústria e Comércio, Fazenda, Cultura e Patrimônio, Planejamento e Meio Ambiente. Além dessa comissão, houve a colaboração direta e constante da equipe técnica da Secretaria de Governo e da Controladoria Municipal. Entre os critérios de seleção, estão: baixo potencial poluidor da atividade industrial, capital integralizado, destinação do imóvel, empregos gerados, entre outros.
Nesta quinta-feira, 13 de dezembro, o secretário Felipe Guerra e o economista responsável pelo programa, Ricardo Reis, apresentaram o credenciamento para os vereadores durante a reunião plenária na Câmara. “Hoje participamos da reunião para explicar sobre o credenciamento, pois enviamos as seis primeiras empresas inscritas para análise dos vereadores. Contudo, todos eles já estão juntos nessa causa”, afirma Felipe.
Segundo Ricardo Reis, 13 empresas participaram do processo, demonstrando interesse nas áreas em Antônio Pereira, Cachoeira do Campo e na sede. “Todas as empresas foram previamente analisadas e inicialmente serão gerados 1178 empregos diretos e 2700 indiretos, com base nos projetos enviados. A expectativa das empresas é que no ápice se tenha mais de 1800 empregos diretos”, explica.
Lista das empresas selecionadas:
1. Engelig Montagem e Manutenção Elétrica LTDA
2. Cybermaq LTDA
3. GTA Ecocidades LTDA
4. Ouro Preto Proteínas Abatadouro e Frigorífico de Aves LTDA
5. Dipawa Nordeste LTDA
6. Lidermix Concretos e Agregados LTDA
7. Ciclone Lavanderia Industrial
8. Prolimp Terceirização & Empreendimentos LTDA
9. Verde Real Agronegócio
10. Festas Gerais
11. Maximiano Confecções LTDA
12. Serraria Ouro Branco LTDA
13. Quartzito do Brasil LTDA
*Com informações da Comunicação da Prefeitura de Ouro Preto

Inscreva-se no nosso boletim informativo

Inscreva-se para receber as principais notícias veiculadas no nosso site em sua caixa de entrada, uma vez por dia.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.

Última atualização em 9 de setembro de 2021 às 19:12