Take a fresh look at your lifestyle.

Orquestra Philarmônica de Uberlândia realiza série de concertos de Natal

Participações Especiais: Banda Sinfônica de Uberlândia, Coral da UFU, Coral de Ituiutaba e da Soprano Internacional Cyrene Paparotti

OPHU – Orquestra Philarmônica de Uberlândia cumpre o seu papel social com a cidade que a abriga, realizando uma série de concertos em espaços públicos e privados da cidade, de forma totalmente gratuita. Para esta série de concertos, convidou a Banda Sinfônica de Uberlândia, o Coral da UFU e o Coral Abrão Calil Neto (de Ituiutaba), que abrilhantam as noites de concertos. Além disso, é a primeira formação sinfônica do orquestra, com metais e madeiras e também percussão, que apresentam as possibilidades musicais e artísticas de todos o grupo envolvido.Com um repertório predominante barroco, a orquestra visita grandes mestres da música mundial. Neste repertório, destacam-se obras de Bach, Vivaldi, Mozart e Händel. Destaque especial deve ser observado no Gloria In Excelsis Deo, da Missa XII de Mozart e também no Medley de Natal, especialmente composto para o orquestra pelo talentoso Marcelo Schimenes.

Apesar da entrada ser gratuita, é facultado ao público a doação de alimentos não perecíveis para auxílio às comunidade assistidas pelos espaços onde o projeto acontecerá:Catedral de São José em Ituiutaba e Catedral Santa Teresinha, em Uberlândia.

A Orquestra é uma iniciativa do Instituto Sergei Diaghilev, e fui fundada em 20 de maio de 2017 por seus  produtores Flávio Freitas e Glauco Fernando Cruz. O projeto tem o apoio da Secretaria de Cultura do Município de Uberlândia.

Direção Artística: Beatriz De Luca

Bacharel em Música, com habilitação em Composição e Regência pelo Instituto de Artes da UNESP – Universidade Estadual Paulista, e em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da USP – Universidade de São Paulo.

Seus principais professores de regência foram Roberto Tibiricá, Samuel Herr, Abel Rocha e Jorge Salim. Participou de máster classes de regência com Kirk Trevor, Eric Whitacre, Sérgio Igor Chnee, Osvaldo Ferreira e Hans-Peter Schurz. Seus orientadores de composição e orquestração foram Flo Menezes, Abel Rocha, Edson Zampronha, Achille Picchi, Eduardo Escalante e Jorge Kaszás.

Beatriz De Luca tem nacionalidade italiana e brasileira, e reside atualmente no Porto, Portugal. É casada com o clarinetista Elias Borges.

Solista Convidada: Cyrene Paparotti

Iniciou a sua carreira como vencedora do concurso Jovens Concertistas Brasileiros em 1987 no Rio de Janeiro, quando aluna da FASM (Faculdade Santa Marcelina) em São Paulo – Capital, na classe de Neyde Thomas. Prosseguiu seus estudos na França com Mady Mesplé e nos EUA com Anna Mofo e Bissy Roman.  Apresentou-se como recitalista nas principais salas do Brasil (Teatro Municipal do RJ e São Paulo, Sala Cecília Meirelles-RJ, Palácio das Artes em BH), Nova York (Carnegie Hall, Merkin Hall) e em toda a Itália desde Milão e Veneza a Nápoles e Bari.  EmParis foi corista do teatro Municipal Châtelet, apresentando-se muitas vezes como recitalista  na Sala Villa-Lobos.  Na Bahia apresentou-se cantando peças sacras com a OSUFBA e Barroco na Bahia na Catedral do Terreiro de Jesus, Teatro Vila Velha, TCA entre outros.  Em 2015 foi a diretora musical do espetáculo multicultural 1823 A ÓPERA DA LIBERDADE, onde interpretou o papel da heroína Joana Angélica e reapresenta em janeiro 2018.

Serviço

Orquestra Philarmônica de Uberlândia

Concerto: Concerto de Natal

Hot Site: www.filarmonicadeuberlandia.com.br

Entrada: Facultada à doação voluntária de 1kg de alimentos não perecíveis

Locais e Datas:

04 de dezembro de 2018 – 16h

Prefeitura Municipal de Uberlândia – Bloco I

10 de dezembro de 2018 – 20h

Catedral de São José em Ituiutaba – 20h

11 de dezembro de 2018 – 20h

Espaço de Convivência – Campus UFU Santa Mônica

12 de dezembro – 20h

Catedral de Santa Teresinha

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 60 minutos

Fotos Imprensa: Foto 1  Foto 2 Foto 3  Créditos: Acervo OPHU

Produtores: Flávio Freitas e Glauco Fernando Cruz

Realização: Instituto Sergei Diaghilev, Artesofia, OPHU

Close