Polícia apreende 400 quilos de explosivos e prende quadrilha no Norte de Minas

NEWSLETTTER

RECEBA O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS DIARIAMENTE
Digite seu Nome:

Digite seu E-mail:

Escolha o tipo e/ou às localidades que você deseja receber notícias -

Destaques

Incêndio em fábrica de Ribeirão das Neves deixa uma pessoa ferida

Um senhor de idade ainda não divulgada foi vítima das chamas que atingiram a fábrica de tecido Ematex, localizada...

Vale é obrigada a retirar animais de área de barragem em Ouro Preto

Após elevação do nível 2 de emergência na mina Doutor, em Ouro Preto, ocorrida na última quarta-feira, 1º de...

Cadastro para receber auxílio emergencial de R$ 600 começará na terça-feira (7)

O Governo Federal lança na próxima terça-feira (07.04) um aplicativo para os trabalhadores sem cadastro nos programas sociais inserirem...

Como higienizar compras feitas por delivery durante a quarentena

Os brasileiros que já estavam se adaptando aos aplicativos que oferecem o serviço de delivery de comida pronta, como...

Praça da Liberdade e Parque JK são interditados pela Prefeitura de Belo Horizonte para evitar aglomerações

A partir do próximo sábado (4), a Praça da Liberdade, no bairro Funcionários, e o Parque JK, no bairro...

A Polícia Militar prendeu no Norte de Minas Gerais uma quadrilha que pretendia praticar uma série de crimes e ações violentas. Na ocasião, também foram apreendidos cerca de 400 quilos de explosivos; seis fuzis; uma espingarda; três pistolas; dois revólveres; três coletes a prova de balas; muita munição; quatro carros clonados e R$ 2 mil em dinheiro. O desfecho do caso ocorreu após uma semana de buscas incessantes pelos integrantes da organização criminosa.

Foram presos dois homens suspeitos de pertencerem ao bando, que na semana passada pretendiam realizar uma ação violenta de explosão de caixas eletrônicos e roubo a carros-fortes. Desde o último dia 24 de setembro, após investidas da quadrilha para tentar resgatar os primeiros integrantes presos, os militares deram uma pronta resposta na ocorrência. As tentativas de resgate se desdobraram em trocas de tiros e perseguição por mata fechada.

Militares da 3ª Base Regional de Aviação do Estado, em aeronaves, se revezaram na operação próximo à cidade de Padre Carvalho. O resultado final da operação foi a morte de nove integrantes da quadrilha, dentre eles o líder do bando, que tinha ligação com criminosos de uma facção em Salvador (BA).Por fim, também foi feita a prisão de dois integrantes da quadrilha que tentavam fugir do cerco policial. Estes dois últimos foram presos quando tentavam dar entrada em um hotel no distrito de Vale das Cancelas, no município de Grão Mogol.

Para acabar com a quadrilha, os PMs fizeram troca de informações entre os serviços de inteligência da Polícia Militar do estado da Bahia e da Polícia Federal. Também participaram da operação cerca de cem militares da 11ª Cia Independente de Policiamento Especializado, militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) de Belo Horizonte; policiais militares da Bahia e das cidades mineiras de Padre Carvalho, Salinas, Taiobeiras, dentre outras.

Leia também: Policiais militares salvam a vida de bebê em São Gonçalo do Abaeté

 

- Advertisement -