BrumadinhoNotíciasRompimento de barragem em Brumadinho

Sobe para 142 o número de mortes confirmadas em Brumadinho

O número de mortes confirmadas em decorrência da tragédia do rompimento da barragem da Mina do Feijão, da mineradora Vale, em Brumadinho, subiu para 142, sendo que 122 foram identificadas e 20 estão sem reconhecimento. As informações foram atualizadas pela Defesa Civil de Minas Gerais no fim da tarde desta terça-feira, 05 de fevereiro.

Segundo o boletim da Defesa Civil, disponível aqui, ainda há 194 desaparecidos, sendo 61 da listagem da Vale e 133 de trabalhadores terceirizados ou pessoas da comunidade. Já os localizados totalizam 392, sendo 223 da lista da mineradora e 169 terceirizados ou da comunidade.

Ainda segundo os dados da Defesa Civil, há no momento 103 pessoas desabrigadas, que encontram-se em alojamentos temporários, e três vítimas internadas em hospitais.

Soltura de presos

Ainda nesta terça-feira (05), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou a soltura de cinco pessoas presas no dia 29 de janeiro acusadas de envolvimento na tragédia em Brumadinho. Entre elas estavam engenheiros, geólogos e outros técnicos da Vale e da empresa que assinou laudo assegurando as condições de segurança da barragem.

Deixe seu comentário

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: