Mais Minas
Portal de notícias de Minas Gerais

Suspeito de matar ex-mulher e enterrá-la no quintal é preso, em Minas Gerais

Um homem de 50 anos, suspeito de matar a ex-mulher, de 42 anos, e enterrar o corpo nos fundos casa, foi preso nesta segunda-feira (14). O lugar é localizado na cidade de Januária, região norte de Minas Gerais.

PUBLICIDADE

O caso foi à tona após a filha da mulher ligar para a Polícia Militar e dizer que sua mãe havia desaparecido. No boletim de ocorrência foi registrado que a filha da vítima em conjunto do suspeito, disse que viu a mulher pela última vez perto da casa de seu pai, durante a tarde do último sábado (12).

A vítima trata-se de Aurelina Ribeiro Rocha Oliveira. Segundo relatos de sua filha, Aurelina era ameaçada por seu ex-marido constantemente, já até fazendo contratos com outros assassinos para cometer o crime.

Os policiais, ao abordarem o homem, encontraram uma espingarda em sua casa, que foi assumidamente revelado de propriedade do suspeito. Ele chegou a informar os militares que não sabia onde estava sua ex-mulher e que não tinha a visto há algum tempo.

Ao insistir com o suspeito, os militares descobriram outra versão do fato, dizendo que a vítima chegou até sua casa em companhia de duas pessoas com capuz e luvas. Segundo estas falas, os encapuzados foram os autores do assassinato de sua ex-mulher, e o ameaçaram falando para ficar calado sobre o ocorrido.

Após isso, o homem mostrou que sua ex-mulher tinha sido enterrada na mata dentro de sua propriedade, localizada nos fundos de sua casa. Ele chegou a levar os militares até o local e mostrou onde estava o corpor enterrado em cova rasa.

O suspeito foi preso por feminicídio, ocultação de cadáver e porte ilegal de armas, tendo sido encaminhado diretamente para a cadeia.

Já o corpo da vítima foi encaminhado para a perícia e foi encontrado um corte profundo na cabeça, o que, provavelmente causou sua morte.

Deixe seu comentário
Participe gratuitamente do nosso grupo de notícias no Telegram -> ENTRAR.
você pode gostar também