Ultimate magazine theme for WordPress.

Gestor de mídia sociais é um dos cargos em alta para 2020

Estudo inédito realizado pelo LinkedIn coloca cargos relacionados a tecnologia no topo da demanda para 2020. Gestor de mídias sociais e engenheiro de cibersegurança aparecem nas primeiras posições.

 

O LinkedIn fez uma avaliação em perfis públicos que mudaram de emprego e contratações que ocorreram entre 2015 e 2019. Além dos dados gerais, a empresa também aplicou uma metodologia própria para entender a demanda futura em todas as áreas.

 

Por causa da expansão dos cuidados que as marcas estão tendo para ter um sistema de atendimento omnichannel, que envolve a padronização de respostas, independente do canal de contato, e também pelo uso de plataforma de chatbots, os profissionais de gerenciamento de redes sociais estão entre os mais requisitados.

 

“Ao pensar na carreira no médio e no longo prazo, seja para permanecer em uma posição ou mudar, devemos mapear os riscos para assumir as responsabilidades do caminho que vamos seguir”, alerta Milton Beck, diretor geral do LinkedIn para América Latina.

 

Essa foi a primeira vez que a pesquisa do LinkedIn tratou especificamente do público brasileiro.

 

Gestor de mídia sociais é um dos cargos em alta para 2020
Crédito da imagem: Pixabay

 

Por que gerenciamento de redes sociais está em alta?

Existe uma transformação na relação entre empresas e consumidores,com estes participando e opinando cada vez mais.

 

Além disso, os novos consumidores querem acompanhar de perto o engajamento social das marcas que ele adora. No passado as empresas não sabiam como agir em determinadas situações, mas esse cenário mudou.

 

O empresário já despertou para o potencial das redes sociais, seja para construir uma marca, gerar vendas ou mesmo como canal de suporte.

 

Essa mudança de postura contribui bastante para essa demanda crescente por um profissional que tenha uma visão global sobre marketing digital, domine algum software de edição e também entenda bem o funcionamento do ecossistemas social em que a empresa esteja envolvida e saiba gerenciar o WhatsApp business.

 

A atividade de cibersegurança aparece em seguida com alta demanda por causa do surgimento das fintechs e a expansão dos bancos digitais. Os dados dos usuários aparecem como o ouro dessa década e a segurança da informação é uma das responsabilidades desse profissional.

 

Fechando o top 3 está a atividade de representante de vendas. Esse profissional está também em alta e precisa ter um conhecimento avançado em técnicas de outbound marketing e inbound marketing para se destacar.

 

As empresas que oferecem serviços de software, soluções tecnologia da informação e também comércio eletrônico são as que mais demandam profissionais da área de representante de vendas atualmente.

 

Atividades como especialista do sucesso do cliente (CS), cientista de dados, engenheiro de dados e inteligência artificial estão diretamente ligadas a necessidade de desenvolver chatbot para integrar e transformar o atendimento ao cliente.

Veja abaixo as dez áreas com melhor projeção para o futuro:

  1. Gestor de mídias sociais
  2. Engenheiro de cibersegurança
  3. Represente de vendas
  4. Especialista em sucesso do cliente
  5. Cientista de dados
  6. Engenheiro de dados
  7. Especialista em inteligência artificial
  8. Desenvolvedor em javascript
  9. Investidor day trader
  10. Motorista
Chama a atenção o cargo de motorista na lista de oportunidades futuras no mercado profissional. Por causa de gargalos logísticos, expansão de aplicativos de delivery de supermercado e outras projeções, esta é uma atividade que deve ter uma demanda crescente a partir de agora.

 

Outra oportunidade para motoristas é a expansão dos serviços de transporte de passageiros.

Conclusão

O levantamento do LinkedIn mostra que nove dos dez cargos que estarão em alta este ano e nos próximos são relacionados a tecnologia ou conectados diretamente a ela. Apenas a atividade de investidor day trade não tem uma conexão direta.

 

Isso reforça a necessidade de atualização daqueles que querem entrar no mercado de trabalho ou buscar uma recolocação em nova atividade profissional.

 

“Esperamos que esta lista seja um norte para as pessoas que estejam nessa transição ou ainda no início da carreira”, destaca Milton Beck.

 

Comentários do Facebook