Mais Minas
Portal de notícias de Minas Gerais

Vereador é assassinado no município de Munhoz, no Sul de Minas

Um vereador de Munhoz, município localizado na região do Sul de Minas, foi assassinado dentro de seu próprio carro, na noite de segunda-feira (18). Benedito Cândido Brandão Primo, que era conhecido como “Sabá”, tinha 62 anos e era do partido PRP, estando cumprindo seu segundo mandato como vereador. O primeiro havia sido entre 1989 e 1992.

Por volta das 19h da segunda-feira a Polícia Militar foi acionada para atender um homem ferido dentro de um veículo. Ao chegarem ao local, se depararam com Sabá já sem vida, ferido por, aparentemente, um projétil de arma de fogo de pequeno calibre, provavelmente calibre 32, na cabeça, acima da orelha (região temporal esquerda).

Identificação de suspeito

Após encontrarem o corpo, a Polícia isolou o lugar e a perícia foi acionada. Por meio de câmeras de segurança, os policiais identificaram um veículo Saveiro da cor branca em possível movimento de fuga. O motorista do carro foi tomado como suspeito, tratando-se de um senhor de 66 anos que teve registro de ocorrência em situação com o vereador assassinado.

Em fevereiro deste ano, o suspeito registrou ter levado um soco de Sabá, o que, segundo a Polícia Militar, pode ter motivado o crime.

De acordo com informações, consta que o suspeito teria fugido para São Paulo. A polícia mineira segue procurando o homem e entrou em contato com a corporação paulista, que também realiza buscas.

Nota de pesar

A Câmara Municipal de Munhoz lançou nota de pesar:

“É com imensa tristeza que a Câmara Municipal de Munhoz, em nome de todos os Vereadores e funcionários, vem manifestar o seu profundo pesar pelo falecimento do Vereador Benedito Cândido Brandão Primo, ocorrido nesta segunda-feira, 18/05/2020.
Benedito Candido Brandão Primo era conhecido como Sabá e iniciou sua vida pública em 1989, ocupando seu primeiro mandato como vereador de 1.º de janeiro de 1989 a 31 de dezembro de 1992 e ocupando o seu segundo mandato como vereador de 2017 até o presente momento.

Neste momento nos faltam palavras que possam expressar a imensurável tristeza presente em nossos corações e a nós resta rogarmos a Deus que conforte os corações de familiares, amigos e de todos, pois sabemos que em nosso município, o nosso lar está em luto por esta grande perda.

Ficamos com as lembranças das boas ações realizadas por nosso querido amigo que neste momento deixa além de familiares, incontáveis amigos com os corações tristes.
Pedimos a Deus que em sua infinita bondade acolha o nosso nobre amigo e a ele dê o merecido descanso eterno.
A toda família e amigos os nossos mais sinceros sentimentos.”
Comentários do Facebook
Participe gratuitamente do nosso grupo de notícias no Telegram -> ENTRAR.
você pode gostar também