EducaçãoOuro Preto

Grupo francês realiza intercâmbio no IFMG e reforma escola pública em Ouro Preto

Parceria com colégio francês possibilitou vinda de estudantes e professores, que promoveram voluntariamente reforma de uma escola pública, além de participarem de atividades técnicas, sociais e culturais

Imagine sair de férias e, no retorno às aulas, encontrar a escola de cara nova? É assim que as crianças da Escola Municipal Adhalmir Santos Maia, de Ouro Preto, vão ver o colégio público onde estudam. Ele foi escolhido para receber um grupo de alunos franceses que vieram ao Brasil para participar de um intercâmbio no IFMG. Entre diversas atividades propostas, a reforma da escola foi a que exigiu maior dedicação dos estudantes.

O grupo veio de Tours, cidade localizada a cerca de 240 quilômetros de Paris, na região da Touraine. Recebidos no Brasil pelos professores e estudantes do Campus Ouro Preto, no dia 3 de julho, os franceses puderam participar de aulas, atividades esportivas, visitar museus, igrejas e pontos turísticos, assistir a apresentações artísticas e culturais. Eles tiveram alimentação e transporte fornecidos pelo Instituto e hospedagem em um hostel.

  Secretaria de Educação anuncia nomeações para rede estadual de ensino

“Amaram o Brasil, acharam as pessoas receptivas e atenciosas. Gostaram da experiência, que consideraram muito rica do ponto de vista cultural e humano”, contou a professora Renata Antipoff, que coordenou o projeto juntamente com o professor Cedric Le Roch, do Lycée Martin-Nadau, o colégio onde estudam os franceses.

A vinda do grupo ao Brasil, formado por quatro docentes e dez alunos da área de edificações, com idade entre 16 e 19 anos, deu início à parceria firmada entre o campus do IFMG e a Opération Brésil (“Operação Brasil”, missão voluntária e solidária de professores e alunos franceses no Brasil), que tem como objetivo o intercâmbio cultural e técnico-científico entre os dois países. No trabalho de reforma da escola e nas atividades que participaram, puderam trocar experiências e conhecimentos com 16 estudantes dos cursos Técnico em Segurança do Trabalho e Tecnologia em Conservação e Restauro.

  MEC prorroga prazos do Prouni e Fies

“Os meninos querem voltar no ano que vem, ficaram muito satisfeitos com a obra. Como o tempo foi curto, trabalharam apenas na pintura. No ano que vem, vão voltar para trabalhar em algo mais técnico”, adiantou a professora. “A prefeitura deu muito apoio, sempre disponível, fornecendo material. A escola se envolveu, o Instituto Federal se envolveu, montamos uma comissão de professores, fizemos passeios todos os finais de semana, participamos de atividades artísticas e culturais. Eles também deram aulas para os nossos alunos e participaram de projetos e atividades em vários cursos”, contou Renata Antipoff, completando que as últimas atividades serão realizadas na segunda-feira, 22 de julho.

O projeto de parceria entre o IFMG – Campus Ouro Preto e a Opération Brésil tem intermediação da Coordenadoria de Assuntos Internacionais e da arquiteta do campus, Liliam Melo. Conta com apoio da Prefeitura Municipal de Ouro Preto, da empresa Turin Transportes e da Aliança Francesa. Confira o antes e depois da Escola Municipal Adhalmir Santos Maia.

Fechar