Mais de 100 foragidos são presos em MG depois de solicitarem o auxílio emergencial

0 comment

A Polícia Militar, em parceria com o Ministério Público, iniciou uma operação na última sexta-feira (12), nomeada como “Operação Desfalque”, em 19 regiões de Minas Gerais. A primeira fase da ação prendeu, na quarta-feira (17), 144 foragidos após terem solicitado o auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal para o período pandêmico da Covid-19.

De acordo com a PM, as pessoas consideradas foragidas foram encontradas e presas após o pedido do auxílio. Entre os alvos, 140 já possuem registro de ocorrência, sendo 117 registrados por crimes diversos e 82 por crimes violentos, como homicídio, roubo, extorsão, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, sequestro e estupro de vulnerável.

Entre os presos, um possui 45 passagens pela Polícia Militar e outros 11 possuem dez ou mais registros criminais. Em Belo Horizonte, capital mineira, 16 pessoas foram presas devido a mandados de prisão em aberto.

As prisões aconteceram em 19 regiões de Minas Gerais, sendo motivadas pelos mandados em aberto e não pela solicitação ao auxílio. A listagem com o nome dos foragidos foi distribuída em todas as PMs do estado.

Foi finalizada apenas a primeira fase da “Operação Desfalque”, que continua em andamento em alguma regiões mineiras.

Leia também: Ufop desliga estudante por fraude no sistema de cota racial

Comentários Facebook

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. aceitar LER MAIS