Mais de 170 cidades mineiras estão em situação de emergência por causa da seca

Por

De acordo com um levantamento da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil divulgado nesta segunda-feira (22), Minas Gerais tem 172 cidades em situação de emergência por causa da seca e estiagem. A Região Norte do estado é a de maior risco. 

O número de cidades em situação de emergência devido à seca, entre janeiro e julho deste ano (2019), é 110% maior que o do mesmo período de 2018. 

Em algumas cidades mineiras, a última chuva registrada foi no dia 14 de abril, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). 

Pelo menos dez cidades atendidas pela Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) enfrentam rodízio e racionamento. Ainda de acordo com a companhia, a chuva começa a voltar na Região Norte apenas em outubro. Entre elas estão as seguintes cidades:

  • Águas Vermelhas
  • Capitão Enéas
  • Cristália
  • Divisa Alegre
  • Nova Módica
  • Pedra Azul
  • Taiobeiras
  • Urucânia (Bom Jesus de Cardosos)

A situação não coloca em risco apenas o abastecimento de água, mas também a agricultura familiar, sustento de diversas pessoas no Norte de Minas. 

Deixe seu comentário

Tags :

Postado em 23 de julho de 2019