Tomou repercussão nas redes sociais e, claro, nos bastidores da política, parte da reunião da Câmara de Ouro Preto ocorrida na quinta-feira, 17 de novembro, quando o vereador de oposição Júlio Gori exibiu uma troca mensagens de texto e áudio entre ele e a vice-prefeita de Ouro Preto, Regina Braga.

Novato na Câmara, Gori tem apresentado um perfil bem impulsivo durante as reuniões do Legislativo, e suas fortes cobranças ao Executivo vem sendo a principal característica do seu mandato.

Regina Braga, que hoje está no Executivo, foi vereadora de Ouro Preto por cinco mandatos. Ou seja, é uma agente política de extrema experiência. Logo, o que fica no ar é que se uma pessoa com tanto traquejo político enviaria uma mensagem de áudio e texto “sem outras intenções” pelo principal vereador de oposição, marcado por ser tão impetuoso, ou se foi uma jogada, já esperando que a mensagem fosse exibida, dando um recado indireto ao prefeito Angelo Oswaldo e ao seu maior aliado Náercio França, que, como sabe, foi o escolhido por Regina para ser seu substituto na Câmara, e com quem a vice-prefeita parece estar insatisfeita.

Na mensagem de texto, Regina escreve para Gori:

Alguns vereadores não querem a substituição do secretário de obras. Tá sabendo disso? Foram hoje conversar com o prefeito. Pirei.