Inscrições de projetos para pesquisa de biodiversidade na bacia do rio Doce vão até o dia 13 de maio

Dois editais destinarão R$ 14 milhões para instituições sem fins lucrativos neste ano

por Redação Mais Minas

Estão abertas as inscrições para o edital “Apoio à conservação de espécies-alvo da biodiversidade terrestre na bacia do rio Doce”, direcionado a instituições sem fins lucrativos de qualquer região do Brasil, que contemplem parcerias com associações civis, fundações privadas ou cooperativas de Minas Gerais ou do Espírito Santo. O objetivo dessa ação é fomentar o conhecimento científico e fortalecer estratégias de conservação sobre a fauna e a flora da bacia do rio Doce.

Inscrições de projetos para pesquisa de biodiversidade na bacia do rio Doce vão até o dia 13 de maio
Foto: Fundação Renova

As propostas devem ser enviadas até as 23h59min (horário de Brasília) do dia 13 de maio de 2024, por meio do formulário eletrônico disponível no site chamadas.funbio.org.br/biodiversidade-terrestre.

Esse é o primeiro edital de 2024 do Projeto Biodiversidade Rio Doce, realizado em parceria com o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio). Essa chamada pública disponibilizará R$ 7,5 milhões e as propostas selecionadas deverão ser executadas em até 36 meses. O valor a ser solicitado por projeto é de, no máximo, R$ 950 mil. Outro edital está previsto para este ano e as duas chamadas públicas somarão R$ 14 milhões.

Fundação Renova

A Fundação Renova foi instituída por meio do Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC) assinado após o rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), entre Samarco, suas acionistas Vale e BHP, e os governos Federal, de Minas Gerais e do Espírito Santo.

Fonte: Assessoria de Comunicação/Fundação Renova

Leia também: