MEDICAMENTOS GRATUITOS! Governo anuncia alterações no programa Farmácia Popular

Por Daniel Santos
0 comment

Nesta quarta-feira, 7 de junho, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou uma série de alterações no sistema do Farmácia Popular, programa social que oferece medicamentos gratuitos ou com descontos significativos. As mudanças visam beneficiar os usuários do programa Bolsa Família.

Farmacia popular tem novas regras
Foto: Arquivo/Agência Brasil

A

A partir de agora, os beneficiários do Bolsa Família terão a oportunidade de obter gratuitamente todos os medicamentos listados no programa Farmácia Popular. Anteriormente, esses beneficiários já tinham permissão para participar do programa, no entanto, apenas uma seleção limitada de medicamentos estava disponível gratuitamente. Com as novas medidas implementadas, todos os medicamentos serão disponibilizados gratuitamente para esse público.

Mas como exatamente é possível obter esses medicamentos gratuitos? O que os usuários do Bolsa Família precisam fazer para retirar seus remédios em uma farmácia? A seguir, apresentamos um passo a passo para que os cidadãos possam fazer parte desse projeto social.

Como pegar medicamentos gratuitos?

  • Passo 1: identifique o remédio

Para começar, é necessário identificar o medicamento que você precisa. Nem todos os remédios estão disponíveis na lista do Farmácia Popular. Geralmente, o governo oferece a gratuidade apenas para medicamentos essenciais no controle de doenças graves.

Atualmente, os medicamentos gratuitos são destinados ao tratamento de doenças como asma, diabetes, hipertensão, anticoncepção, dislipidemia, doença de Parkinson, glaucoma, incontinência, osteoporose, rinite e doenças cardiovasculares. Você pode conferir a lista completa de medicamentos clicando neste link.

Passo 2: encontre uma farmácia

O próximo passo para obter o medicamento de forma gratuita é procurar uma farmácia credenciada pelo programa Farmácia Popular. Nem todas as farmácias possuem essa parceria, mas geralmente é fácil encontrar uma unidade que participe do programa.

Normalmente, você pode identificar uma farmácia credenciada pelo selo exibido na fachada do estabelecimento. Caso não encontre, você pode perguntar a qualquer atendente de farmácia qual é a unidade mais próxima que faz parte do Farmácia Popular.

Passo 3: leve os documentos

Encontrou uma farmácia credenciada? O próximo passo é comparecer ao estabelecimento levando seus documentos pessoais, como RG e CPF. Além disso, é importante ter a receita médica, que pode ter sido emitida por um médico do Sistema Único de Saúde (SUS) ou pela rede privada.

O atendente da farmácia poderá verificar se seu nome consta na lista de beneficiários do Bolsa Família. Em caso de confirmação, o medicamento será fornecido gratuitamente. Não é necessário fazer qualquer tipo de inscrição prévia no sistema do Farmácia Popular, pois o governo já reconhece que você faz parte do programa de transferência de renda.

Oportunidades

Além de ampliar o acesso do público aos medicamentos gratuitos, a nova versão do programa Farmácia Popular também vai contar com novos credenciamentos, ou seja, mais estabelecimentos estarão aptos ao oferecimento dos remédios gratuitos ou com descontos para a população em situação de vulnerabilidade social.

Segundo o Ministério da Saúde, 811 cidades poderão solicitar o credenciamento em todas as regiões do país. O foco estará no Nordeste, que vai receber 94,4% de todas as novas parcerias.

Ao todo, o Ministério estima que cerca de 5.207 municípios brasileiros tenham unidades do Farmácia Popular até o final deste ano de 2023. Caso o número seja mesmo confirmado na prática, será possível afirmar que o sistema vai atender 93% do território do Brasil.

Comentários Facebook

leia também:

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. aceitar LER MAIS