Alunos da UFOP movimentaram R$ 55 milhões na economia de Mariana

Retificação: O Portal Mais Minas retifica as atualizações das informações passadas na matéria original. Os autores do estudo entraram em contato com o Portal solicitando a atualização dos dados, por erros no estudo divulgado. Veja na íntegra a nota dos pesquisadores no fim da matéria.

De 2012 a 2016, os estudantes da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop) movimentaram cerca de R$ 55 milhões na economia de Mariana. O dado foi divulgado por um estudo de alunos de Economia da Universidade. De acordo com a pesquisa, anualmente, os estudantes movimentaram cerca de R$ 10 milhões na economia marianense.

Para ler o artigo completo, clique aqui.

Mariana sem UFOP

No ano passado, a Arquidiocese de Mariana e a Universidade Federal de Ouro Preto batalharam na justiça sobre o mantimento de um dos campus da universidade na cidade. As duas instituições estavam há dois anos em uma disputa judicial sobre o campus do Instituto de Ciências Humanas e Sociais. O instituto passou a sofrer risco de despejo. O espaço onde o campus fica localizado é propriedade da Arquidiocese, que cedeu o espaço em forma de comodato, nos anos 80.

Durante as negociações, houve manifestações de estudantes, professores e da comunidade para a permanência do campus na cidade. Dessa forma, após negociações, a universidade ficou incumbida de pagar um aluguel de R$ 14 mil para a instituição católica.

Nota dos autores:

“A primeira versão do artigo divulgada em 30 de maio de 2019 no Facebook do PET ICSA, sobre a pesquisa, envolvia um erro de coleta de dados e fazia algumas suposições sobre a permanência dos alunos que prejudicavam a boa interpretação dos resultados. A partir disso, realizamos as devidas correções e elaboramos uma versão mais atualizada que apresenta resultados mais conservadores, que serviu como base para elaboração desse novo resumo. A versão final será em breve divulgada na íntegra.”

Comentários