O que você procura?
Renova banner


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Bordadeiras de Barra Longa mostram seu sucesso em feira internacional virtual

Rodolpho Bohrer 14 de maio de 2020 às 19:44
Tempo de leitura
3 min

O grupo Meninas da Barra, formado por bordadeiras de Barra Longa (MG), participou da Feira Internacional de Negócios Criativos e Colaborativos Digital (FINCC), que aconteceu, de maneira virtual, no início de maio. As artesãs apresentaram a trajetória do grupo e contaram com foi feita a parceria com o estilista Ronaldo Fraga.

O evento on-line foi acompanhado por pessoas de 35 países diferentes e a apresentação das Meninas da Barra, como case de sucesso, contou com o acesso de cerca de 250 participantes. A palestra das bordadeiras está disponível no YouTube da Fundação Renova e pode ser acessado no link: https://www.youtube.com/watch?v=FZbD-D7IVXo.


“Foi gratificante ver nosso trabalho divulgado. Jamais poderíamos imaginar tamanha repercussão em nível nacional. Foi a nossa primeira feira digital e deu tudo certo. E estamos também nas redes sociais. Lá, as pessoas podem ver nossos bordados e estão nos procurando”, conta Maria Magaly Lanna, bordadeira do grupo.

As Meninas da Barra mantêm viva a antiga tradição do bordado na região, que preserva os conhecimentos herdados dos colonizadores portugueses e que hoje geram renda e destaque para o trabalho feminino.

O grupo é um dos 11 projetos de artesãos locais apoiados pela Fundação Renova, por meio da Associação de Cultura Gerais (ACG). Essas iniciativas recebem consultorias, cursos de capacitação e profissionalização. O grupo também participou de outras feiras de exposição e de artesanato em municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo e em Brasília.

Fruto desse trabalho com as bordadeiras está a parceria com Ronaldo Fraga, que levou as criações das artesãs para a São Paulo Fashion Week de 2018. Algumas das peças produzidas para o desfile, agora, fazem parte do acervo do Museu de Arte de São Paulo (Masp).

“A Fundação Renova apoia o trabalho das artesãs com assessorias técnicas de desenvolvimento do empreendedorismo digital, gestão, marketing digital, abertura de mercado e vendas. Buscamos, junto ao grupo, estimular a economia criativa e valorização da produção regional”, diz a analista do Programa de Economia e Inovação da Fundação Renova, Andréa Furtado.

Oportunidade de venda

Durante o evento, promovido pelo Sebrae Paraíba, foram realizadas palestras, apresentação de cases de sucesso, lançamento de livros, rodadas de negócios com lojistas e expositores, em um universo de segmentos como economia criativa, artesanato e arte popular, artes visuais, audiovisual, dentre outros.

Neste ano, a FINCC também ofereceu aos participantes uma área virtual para exposição e comercialização de produtos artesanais. As Meninas da Barra adquiriram um estande virtual e utilizaram o catálogo de produtos digital desenvolvido em parceria com Fundação Renova para apresentar as principais criações, que utilizam técnicas diversas, como richelieu, crivo, bainha, crochê e fuxico. As bordadeiras também expõem suas peças no Instagram e no Facebook do grupo.

Inscreva-se no nosso boletim informativo

Inscreva-se para receber as principais notícias veiculadas no nosso site em sua caixa de entrada, uma vez por dia.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.

Última atualização em 6 de setembro de 2021 às 16:12