Início Futebol Cruzeiro As dez maiores vitórias de Adilson Batista pelo Cruzeiro

As dez maiores vitórias de Adilson Batista pelo Cruzeiro

As 10 maiores vitórias de Adilson Batista pelo Cruzeiro
Créditos da foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Com o 4 a 2 sobre o Tupynambás no último domingo (2), o técnico Adilson Batista atingiu o número de 100 vitórias com a camisa do Cruzeiro. Em sua segunda passagem, o comandante construiu, com ótimos momentos, essa gloriosa marca. Por isso, o Mais Cruzeiro decidiu reunir os 10 de maiores triunfos do treinador na Raposa.

Atlético 0 x 5 Cruzeiro – Campeonato Mineiro de 2008

Logo no começo de sua primeira estadia na Toca II, Adilson massacrou o rival em seu centenário, na final da estadual. O jogo, que foi a ida do confronto, deixou o time celestes com as mãos na taça. Na oportunidade, um lotado Mineirão viu Marcelo Moreno, Guilherme, Ramires, Wagner e Marcos, contra, marcarem os gols do chocolate.

As 10 maiores vitórias de Adilson Batista pelo Cruzeiro
Adilson desbancou equipe do técnico Geninho – Créditos da foto: Reprodução/Twitter

Cruzeiro 5 x 0 Atlético – Campeonato Mineiro de 2009

Quem disse que o raio não cai duas vezes no mesmo lugar? Pois é, mais uma vez o time de Adilson Batista goleou o maior rival na ida da final do estadual. Os gols foram anotados por Jonathan e Leonardo Silva, duas vezes cada um, e Kléber Gladiador, que fechou a conta.

São Paulo 0 x 2 Cruzeiro – Libertadores da América de 2009

Na caminhada para o vice-campeonato sul-americano, o time azul desbancou o atual tricampeão brasileiro em pleno Morumbi. Com um golaço de Henrique, e outro do atacante Kléber, o Cruzeiro confirmou a passagem para a semifinal da Libertadores.

As 10 maiores vitórias de Adilson Batista pelo Cruzeiro
Kléber fez a alegria da torcida azul – Créditos da foto: UOL

Cruzeiro 3 x 1 Grêmio – Libertadores da América de 2009

Pelo jogo de ida da semifinal da competição, os comandados de Adilson Batistas praticamente cravaram a passagem do Cruzeiro para a grande final. Com uma bela atuação e tentos de Fabinho Alves, Wellington Paulista e Wagner, a Raposa superou o Imortal.

Santos 1 x 2 Cruzeiro – Campeonato Brasileiro de 2009

Com uma brilhante arrancada, o time celeste chegou à última rodada da competição nacional precisando de uma vitória para garantir vaga na Libertadores de 2010. Porém, a equipe estrelada saiu perdendo com gol de Neymar, ainda jovem promessa na época. Entretanto, Wellington Paulista e Kléber garantiram, na raça, a vitória cruzeirense por 2 a 1 e, consequentemente, a classificação para o torneio continental.

Cruzeiro 7 x 0 Real Potosí – Libertadores da América de 2010

Mesmo com a vitória sobre o Peixe, em 2009, a equipe de Adilson Batista ainda necessitava de superar mais um obstáculo para chegar à fase de grupos da maior competição da sul-americana. O adversário foi o boliviano Real Potosí, que contava com a altitude a seu lado.

Na ida, as equipes empataram em 1 a 1. Porém, no jogo seguinte, o Cruzeiro massacrou a equipe da Bolívia por 7 a 0. Com gols de Bernardo, Jonathan, Kléber, Eliandro, Guerrón, Thiago Ribeiro e Marquinhos Paraná, o clube celeste garantiu a participação na fase de grupos.

Cruzeiro 3 x 2 Santo André – Campeonato Brasileiro de 2009

Um jogo épico protagonizado por Adilson Batista! Isso porque o comandante enlouqueceu no terceiro gol celeste, que selou a virada da equipe, e deu uma violenta voadora em uma placa de publicidade do Mineirão. Essa imagem está marcada na mente de milhares de cruzeirenses.

Cruzeiro 3 x 1 Ituiutaba – Campeonato Mineiro de 2008

A vitória, válida pela volta da semifinal estadual, teve extrema importância pelo momento. Em uma sequência de resultados ruins, Adilson Batista ficou em uma situação ruim e muito pressionado. O triunfo o deu a possibilidade de seguir no comando azul.

Cruzeiro 2 x 0 Flamengo – Campeonato Brasileiro de 2009

Um verdadeiro jogaço! Assim foi o duelo válido pela primeira rodada do torneio nacional de 2009. Na partida, Fábio defendeu um pênalti e Jancarlos foi expulso. Com gols de Ramires e Kléber, a Raposa bateu os cariocas. A partida foi uma bela demonstração da consistência e força que o Cruzeiro de Adilson possuía na primeira passagem do técnico.

Tupynambás 2 x 4 Cruzeiro – Campeonato Mineiro de 2019

Acima de tudo, o duelo teve altíssimo valor simbólico. Além da centésima vitória de Adilson Batista, demonstrou ao torcedor algo que o torcedor celeste não via há muito tempo: força para superar situações adversas.

RECEBA O NOSSO BOLETIM DE NOTÍCIAS DIARIAMENTE
Digite seu Nome:

Digite seu E-mail: