O que você procura?

Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Forte chuva causa alagamento e risco deslizamento em Congonhas

Segundo o Inmet, chuvas intensas podem cair em várias regiões do estado até o próximo sábado.
Rômulo Soares 7 de janeiro de 2022 às 14:57
Tempo de leitura
3 min
Foto: Reprodução / Prefeitura de Congonhas
Foto: Reprodução / Prefeitura de Congonhas

A Cidade dos Profetas vem sofrendo com as fortes chuvas na tarde de sexta-feira, 7 de janeiro. A Guarda Civil de Congonhas emitiu um comunicado solicitando a todos os proprietários de veículos estacionados às margens do Rio Maranhão e de córregos que cortam a cidade, que retirem seus veículos e os levem para locais seguros devido ao risco de transbordamento em decorrência das chuvas.

Veja o estado do rio:

Vídeo: Prefeitura de Congonhas

A Prefeitura de Congonhas salientou que o monitoramento dos cenários meteorológicos está sendo realizado junto com equipes da Defesa Civil, Diretoria de Trânsito e Secretaria de Meio Ambiente.


Também, como medida preventiva de segurança, a via de acesso que fica atrás da rodoviária, que liga ao bairro Santa Mônica, foi interditada nos dois sentidos nesta sexta-feira em caráter temporário devido ao risco de deslocamento do talude.

Alguns pontos de alagamento já foram registrados, como no bairro Jardim Profeta, onde a Defesa Civil de Congonhas também verifica barrancos ameaçados pela água. No bairro Cristo Rei, um muro desabou por conta da forte chuva.

O Parque da Cachoeira, atração turística de Congonhas, também registrou transbordamento de água devido ao aumento de volume. Veja o vídeo:

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de chuvas intensas para as próximas horas em várias regiões de Minas Gerais. O aviso foi dado à 10h10 desta sexta-feira e o alerta permanece ligado até às 10h da manhã de sábado, 8 de janeiro. De acordo com o alerta de perigo do Inmet, o grande volume de chuvas pode provocar risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.

Em virtude do volume de chuvas, a Defesa Civil do a Prefeitura de Congonhas alerta para a possibilidade de risco geológico e recomenda que os moradores de encostas e ruas íngremes mantenham a atenção no grau de saturação do solo e nos sinais em construções como rachaduras.

A Defesa Civil também está monitorando os níveis dos rios e córregos que passam por Congonhas e a população ribeirinha deve redobrar a atenção e procurar local seguro, caso necessário.

Em caso de necessidade, os moradores de Congonhas podem entrar em contato com a Defesa Civil pelos telefones 3731-4133 e 199 ou ainda pelo  98476-5045 ( WhatsApp) que funciona 24h por dia durante sete dias por semana.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.