Conselheiro Lafaiete tem primeiro caso suspeito de coronavírus
Crédito da foto: Prefeitura de Conselheiro Lafaiete

Após a divulgação do boletim epidemiológico atualizado nesta sexta-feira (6), pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), Conselheiro Lafaiete tem seu primeiro caso suspeito de coronavírus. Até então, a cidade localizada no Alto Paraopeba, região central do estado, não havia tido nenhuma notificação, mas surgiu o primeiro registro hoje.

Recentemente, com o surto do coronavírus, houve uma corrida pelas farmácias e depósitos de materiais de primeiros socorros em Conselheiro Lafaiete, causando no esgotamento de máscaras e álcool em gel na cidade.

No estado, nenhum caso foi confirmado até o momento. Na cidade de Ouro Preto mais uma notificação de investigação foi registrado, porém, o seu primeiro caso suspeito da doença já foi descartado.

Assim como em Conselheiro Lafaiete houve o primeiro caso em investigação registrado no boletim epidemiológico mais recente, assim como em Córrego Fundo, Itabira, João Monlevade, Nova União, Patos de Minas, São Gotardo e São Sebastião do Paraíso.

[pdf-embedder url=”https://maisminas.org/wp-content/uploads/2020/03/Novo_Boletim_Coronavírus_06-03-1.pdf” title=”Novo_Boletim_Coronavírus_06-03 (1)”]

Durante o período entre a última terça-feira (3) até esta sexta, tiveram 65 casos em investigação registrados. Em Belo Horizonte foram notificados 24 casos, somando no total de 51 casos em investigação e sete já foram descartados. Na Região Metropolitana de Belo Horizonte, Betim teve mais um caso e agora são dois em investigação, Contagem teve mais cinco notificações e já tem nove casos no total, em Nova Lima surgiram seis casos e em Sabará houve seu primeiro caso a ser investigado.

Em Conselheiro Lafaiete houve o primeiro caso em investigação registrado no boletim epidemiológico mais recente, assim como em Córrego Fundo, Itabira, João Monlevade, Nova União, Patos de Minas, São Gotardo e São Sebastião do Paraíso.

Já em Ipatinga o número de casos suspeitos de coronavírus subiu de um para cinco ao longo da semana, Juiz de Fora subiu para três, em Formiga surgiram dois e em Uberlândia são 11 casos em investigação e três já descartados.

Montes Claros, Uberaba e Viçosa tinham um caso em investigação, mas foram descartados.

Comentários do Facebook

Receba notícias do Mais Minas através do nosso grupo oficial do WhatsApp. Não se preocupe, somente nosso número conseguirá fazer publicações, evitando assim conteúdos impróprios e inadequado. Participe: ENTRAR.

Faça parte também das nossas redes sociaisFacebook e Instagram. Siga o Mais Minas no Google Notícias clicando aqui.