DestaqueItabiritoMarianaOuro Preto

Coronavírus: veja o número de casos em Ouro Preto, Mariana e Itabirito

Minas Gerais continua sofrendo com o coronavírus, assim como o resto do país e do mundo. Até o momento há são 153 casos confirmados e 17.409 casos investigados como suspeito no estado, de acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (26), pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais (SES-MG). Saiba como está a situação da pandemia nas três cidades da Região dos Inconfidentes: Itabirito, Mariana e Ouro Preto.

Itabirito

Em Itabirito há 11 casos suspeitos de coronavírus e nenhum confirmado até o momento. A Prefeitura Municipal está tomando medidas de prevenção para manter proteção na cidade. Nesta quinta-feira, ocorreu a fiscalização educativa em mais de 50 estabelecimentos comerciais no município, com foco em supermercados e farmácias.

Essa fiscalização tem como objetivo identificar se há um exagero nas compras que, ocasionalmente, possam prejudicar outros moradores, portanto houve a orientação que os estabelecimentos façam restrições quantitativas de compra.

Além disso, as alterações de valor só poderão acontecer caso haja alteração de custos dos comerciantes, como em casos de aumento de preços dos fornecedores.

Mariana

Mariana é a única cidade da Região dos Inconfidentes que há casos confirmados de coronavírus, são dois no total, mas, de acordo com o Boletim Epidemiológico desta quinta-feira, ainda há 23 casos em investigação.

Dentre várias medidas da Prefeitura de Mariana, o município também informou que, para evitar aglomerações nas agências bancárias, haverá um calendário de pagamento para os servidores neste mês.

Ouro Preto

Ainda não há nenhum caso confirmado de coronavírus em Ouro Preto, mas já são 44 casos suspeitos e nove já foram descartados. Recentemente, na última terça-feira (24), a Prefeitura Municipal declarou estado de calamidade pública. Segundo o prefeito Júlio Pimenta, o estado calamitoso é para fins de prevenção e enfrentamento à doença.

Com a preocupação quanto à proliferação do coronavírus, o prefeito Júlio Pimenta anunciou, na última segunda-feira (23), que irá utilizar a antiga fábrica de tecidos, hoje centro de convenções, para instalação de 50 leitos dispostos à atender os pacientes com sintomas do vírus que vem contaminando o mundo inteiro neste início de 2020.

Comentários do Facebook
Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar