O que você procura?
Renova banner


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

Coronavírus: Congonhas registra terceiro óbito e Ouro Branco tem recorde de infectados

Rômulo Soares 17 de julho de 2020 às 16:43
Tempo de leitura
3 min

Com os boletins diários de coronavírus, o Mais Minas traz a situação, atualizada nesta sexta-feira (17), da pandemia de Ouro Branco e Congonhas, na Região do Alto Paraopeba.

Congonhas

Congonhas teve seu terceiro óbito por coronavírus confirmado nesta sexta-feira, entretanto, idade e sexo da vítima não foram divulgados. De acordo com o Boletim Epidemiológico da Prefeitura de Congonhasoito casos de Covid-19 foram confirmados, dando em um total de 166 confirmações da doença, sendo 89 já recuperados. Além disso, há um óbito por Covid-19 sendo investigado e quatro mortes pela doença em investigação.


Perfil epidemiológico dos casos investigados:
SEXO:
Masculino: 2.170 (44,6%)
Feminino: 2.692 (55,4%)
TOTAL: 4.862 (100%)

FAIXA ETÁRIA:
Menor de 1 ano: 23 (0,5%)
1 a 9: 168 (3,5%)
10 a 19: 189 (3,9%)
20 a 59: 3.890 (80%)
60 a 79: 535 (11%)
Maior de 80: 57 (1,2%)
TOTAL: 4.862 (100%)

Ouro Branco

A Prefeitura de Ouro Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informou que foram confirmados, nesta quarta-feira, foram confirmados 12 casos de coronavírus em 24h, é um número recorde. Segundo a administração municipal, os pacientes infectados, de 58, 49, 49, 46, 45, 41,36,32, 28, 28, 22 e 18 anos, passam bem e, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde, fazem isolamento social em suas respectivas residências.

Ainda de acordo com a Prefeitura de Ouro Branco, recebeu alta hospitalar um paciente, de 57 anos, que estava internado e seu exame havia dado positivo para Covid-19. O paciente concluiu seu tratamento de saúde, passa bem e agora faz isolamento social em sua casa.

Segue internada no em CTI Rede Hospitalar de Ouro Branco uma pessoa de 64 anos que havia sido confirmada para o novo coronavírus. Também seguem internadas outras pessoas, de 46 e 58 anos, que também estão infectados com Covid-19, mas que apresentam quadros estáveis, até o momento, sem necessidade de intervenções mais complexas.

Também segue em investigação o óbito que ocorreu na sexta-feira, dia 26 de junho. O paciente morador de Ouro Branco, sexo masculino, 84 anos, estava internado há mais de um mês e que o exame havia confirmado para o coronavírus. O paciente apresentava histórico de complicações de saúde (outras questões além do Covid), seu quadro teve piora, vindo a falecer. O óbito é investigado pela Secretaria Municipal de Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MG).

No total, são 117 casos de coronavírus, sendo 79 recuperados, 32 em monitoramento e três internados, além de dois óbitos confirmados e um ainda em investigação na cidade. A primeira morte foi de morador de Ouro Branco com Covid-19 foi registrado no dia 03 de julho, um paciente de 60 anos. E o segundo óbito, de 80 anos, faleceu na última quarta-feira (15) na Rede Hospitalar Municipal.

Perfil dos casos confirmados em Ouro Branco:
Por sexo:
Número de mulheres: 42
Número de homens: 75

Por faixa etária:
Menor de 1 ano: 0
1 a 9 anos: 0
10 a 19 anos: 3
20 a 29 anos: 19
30 a 39 anos: 36
40 a 49 anos: 26
50 a 59 anos: 20
Mais de 60 anos: 13

Veja também: Polícia recupera R$78 mil que foram roubados em Congonhas

Inscreva-se no nosso boletim informativo

Inscreva-se para receber as principais notícias veiculadas no nosso site em sua caixa de entrada, uma vez por dia.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.