Cruzeiro e Minas Arena negociam para deixar Mineirão "mais azul"

Com o afastamento do rival com o Gigante da Pampulha, o Cruzeiro busca deixar o Mineirão cada vez mais a sua cara. O presidente do clube, Sérgio Santos Rodrigues, afirmou que sonha em ver o estádio se transformando em uma “Toca III”, porém, o dirigente não manifestou o desejo de administrar o estádio, mas que quer deixar a sede de suas partidas oficiais em Belo Horizonte mais cruzeirense possível.

Sérgio Santos Rodrigues fala em trazer a cor azul ao Gigante da Pampulha. A intenção é pintar o Mineirão com as cores do Cruzeiro, seja por meio de tecnologia, iluminação, faixa, banners, adesivos, e etc. O diretor comercial do estádio, Samuel Lloyd, disse à rádio Super 91,7 FM, intervenções têm o seu apoio. “O Cruzeiro pode contar conosco, no apoio, para que em todas as partidas do clube, o Mineirão esteja cada vez mais azul”, disse.

Apesar disso, intervenções mais profundas dependem da autorização do dono do Mineirão, que o estado. Mas, segundo Samuel, tudo depende da forma que Sérgio apresentará essas iniciativas e, também, que enxerga com bons olhos as falas do presidente do Cruzeiro, já que o Gigante da Pampulha “sempre tentou proporcionar e provocar nos mineiros, de maneira geral, é a sensação de pertencimento”.

A iniciativa de deixar o Mineirão “mais azul” poderá contribuir durante o período pandêmico, em que não é possível haver torcedores e, segundo Samuel, o mais viável por enquanto, é utilizar a tecnologia. Mas, futuramente, a possibilidade de ofertar essa “casa” ao torcedor cruzeirense é algo que a nova gestão trabalha seguindo o exemplo das outras ligas, como as norte-americanas.

Mineirão no centenário

Durante a entrevista à Rádio Super, Samuel também abriu as portas do estádio para as comemorações de centenário do Cruzeiro, que acontecerá em 2021. Dentre os planos apontados está um memorial do clube, que poderá ser acoplado ao Mineirão de forma permanente ou provisória. Mais uma vez, Lloyd lembra que tudo depende da apresentação do projeto à administração do estádio, mas afirmou que espaço não falta.

O Cruzeiro volta ao Mineirão no próximo domingo, às 11h, quando encara a URT, pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro.

Veja também: O que o Cruzeiro precisa fazer para avançar no Campeonato Mineiro?

Comentários