Brasileirão 2019Campeonato BrasileiroCruzeiroEsporteFutebolUncategorized

Cruzeiro é dominado pelo Internacional e perde no Beira-Rio

Sem a vitória, Cruzeiro continua com seis pontos, ocupando a 11°posição na tabela

O Cruzeiro foi até o Beira-Rio neste domingo de Dias das Mães enfrentar o Internacional. A equipe mineira perdeu a partida por 3 a 1 e não conseguiu sua terceira vitória seguida no campeonato. Depois de um primeiro tempo equilibrado, o Cruzeiro se viu dominado pelo Colorado na segunda etapa. 

O jogo

A primeira etapa da partida teve um grande volume ofensivo, a raposa fez um bom início de jogo. O primeiro lance de perigo da partida saiu dos pés de Thiago Neves. Ele recebeu passe de Fred, mas desperdiçou o lance, que era uma chance clara de gol.

O Cruzeiro seguiu desperdiçando oportunidades. Aos 20 minutos, após passe de Pedro Rocha para o meio da área, Jadson bateu rasteiro, mas a bola parou no travessão.

Jogando em casa, o Internacional não deixou barato e o gol veio aos 31 minutos. Paolo Guerrero cobrou falta, a bola acertou a trave, e no rebote, Nonato abriu o placar para o Internacional. Foi o primeiro gol como profissional do jogador de apenas 21 anos.

A Raposa teve uma reação rápida e quatro minutos depois Dedé marcou para o Cruzeiro. Após cobrança de falta de Thiago Neves, a bola sobrou para o zagueiro que não desperdiçou e fez o único gol da equipe mineira na partida.

Segundo tempo e um Cruzeiro dominado

Cruzeiro e Internacional são duas equipes conhecidas por ter um estilo de jogo onde a marcação é um ponto forte. E o começo do segundo tempo demonstrou isso. As duas equipes começaram trocando passes, mas logo o Cruzeiro se viu dominado pelo Colorado.

Aos 10 minutos, depois de um bate rebate, Guerrero ampliou para o Internacional. Edilson errou a saída de bola, Edenilson aproveitou e tocou para D’Alessandro, que serviu Nico Lopez.

Fábio defendeu a bola do uruguaio, Guerrero tentou no rebote, mas Dedé tirou. A bola sobrou para D’Alessandro e Dodô tirou. De dentro da área, Guerrero não desperdiçou e marcou: 2 a 1 para o Colorado.  

Aos 20 minutos, Dodô fez pênalti em Nonato, D’Alessandro cobrou, mas desperdiçou jogando para fora do gol.

Mesmo a frente no placar, o Internacional não aliviou para o lado celeste. Aos 37 minutos do segundo tempo, mais uma vez de falta e de rebote, Moledo marcou o terceiro e último gol do jogo, 3 a 1 para o Internacional. 

Confusão generalizada

Em um lance lamentável, Edilson foi expulso após agredir Nico Lopez. O uruguaio saiu de campo com a boca sangrando e teve que ser acalmado pelo técnico Odair Hellmann.O jogador queria partir para a briga com Edilson. Mesmo após o apito final a confusão continuou e se estendeu para outros jogadores.

INTERNACIONAL 3 X 1 CRUZEIRO

Motivo: 4ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data: 12/05/2019 (domingo)

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS

Público: 23.416 presentes / 20.673 pagantes

Gols: Nonato (Internacional), aos 31 min do 1ºT; Dedé (Cruzeiro), aos 35 minutos do 1ºT; Guerrero (Internacional), aos 10 min do 2ºT; Moledo (Internacional), aos 37 min do 2ºT

Árbitro: Raphael Claus – FIFA (SP)

Internacional: Marcelo Lomba; Zeca, Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Nonato (Guilherme Parede), D’Alessandro (Rafael Sobis) e Nico López; Guerrero (Sarrafiore)

Técnico: Odair Hellmann

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Dodô; Lucas Silva, Lucas Romero, Jadson (David) e Thiago Neves; Pedro Rocha (Rodriguinho) e Fred (Sassá)

Técnico: Mano Menezes

Cartão vermelho: Edílson (Cruzeiro)

Fechar