Ultimate magazine theme for WordPress.

‘Democratização do acesso ao cinema no Brasil’, tema da redação do Enem 2019

“A redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano tem como tema a “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC) e responsável pela aplicação do exame, divulgou o tema às 13h59 deste domingo, 3 de novembro.”, publicou o MEC em nota.

Ninguém, absolutamente ninguém esperava por este tema na redação do Enem 2019. Mas, para a surpresa geral da nação, este foi o tema escolhido. Agora, o que é a “democratização do acesso ao cinema no Brasil” e como escrever sobre?

A primeira coisa – e talvez a mais importante – a fazer é a leitura interpretativa do tema abordado. Quando estamos falando de “democratização”, estamos falando de tornar acessível a todas as pessoas e classes. Neste caso, especificamente o tema trata do espaço físico do cinema, o local onde se assiste a projeções cinematográficas.

Em “acesso”, estamos falando do verbo acessar que quer dizer ter passagem, entrar, acessar um território, uma área, um cinema. Também é extremamente importante prestar atenção às preposições. O tema da redação diz claramente: “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”. Repare na última preposição, é “no” e não “do”, ou seja, o tema não “pede” para ser escrito um texto dissertativo-argumentativo sobre o incentivo ao cinema nacional, mas, sim, sobre a ida das pessoas aos cinemas, a locomoção.

Diante disso, o desenvolvimento da redação poderia ser tratado por diversos ângulos e/ou perspectivas. Por exemplo, a ANCINE – Agência Nacional do Cinema, acompanha e divulga um estudo sobre o desenvolvimento de salas de exibição no Brasil e a sua evolução. O último estudo, divulgado em 2018 e disponível no site da agência, mostra que “o parque exibidor brasileiro encerrou o ano de 2018 com 3.347 salas em funcionamento – um crescimento de 3,8% em relação ao ano precedente. Em contrapartida, “houve redução de 9,8% do número de ingressos vendidos em relação a 2017.

Diante desses dados, o que podemos observar é que o Brasil teve um aumento significativo de salas de cinemas, mas o mesmo não aconteceu com a venda de ingressos. Por qual motivo? Financeiro, acessibilidade, qualidade das produções, etc? Financeiro, provavelmente é uma das causas que dificultam o acesso da população ao cinema, principalmente em tempos de altos índices de desemprego. Qualidades da produções? Para alguns, pode ser. Mas vamos reconhecer: as produções cinematográficas evoluíram bastante nos últimos anos, mesmo as produções nacionais.

E a acessibilidade? Talvez essa possa ser uma questão interessante de se tratar na redação. Quando falo de acessibilidade, estou falando de uma forma mais abrangente, de tornar acessível, de ser fácil acesso. A acessibilidade oferecida aos deficientes, idosos, gestantes, lactantes, pessoas com crianças de colo e os obesos é regida pela lei nº 10.048, de 08 de novembro de 2000. Assim como a lei nº 12.933, de 26 dezembro de 2013, garante o pagamento de meia-entrada para estudantes, idosos, pessoas com deficiência e jovens carentes de 15 a 29 anos a salas de cinema, cineclubes, teatros, espetáculos musicais e circenses e eventos educativos, esportivos, de lazer e de entretenimento, em todo o território nacional, promovidos por quaisquer entidades e realizados em estabelecimentos públicos ou particulares.

Mas e a acessibilidade no sentido de acesso ao espaço? Onde estão localizados os espaços que mantém as salas de cinemas? Shoppings, ruas… A população brasileira tem facilidade de se locomover para estes locais? Há transporte público? E a população que se concentra em áreas remotas, mais distantes das capitais? Se algumas pessoas não conseguem ir ao cinema, existe a possibilidade de levar o cinema até elas? Algumas cidades brasileiras têm os chamados cinemas itinerantes? E se fosse possível ampliar esse serviço para outras áreas do país?

Para desenvolver uma boa redação e conseguir uma boa nota, o fundamental é ler bastante. É preciso ler muito para saber como escrever bem. Tenha sempre o auxílio do dicionário para descobrir o significado de palavras que você não conheça.

Leia também: Tema da redação do Enem é importante, porém, excludente

Comentários do Facebook