O que você procura?


5 fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho

Existem muitos fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho e conhecê-los é vital para quem quer uma vida mais feliz e produtiva.

Elis Bohrer 8 de setembro de 2021 às 16:19
Tempo de leitura
5 min
Foto: Biblioteca de imagens do Canva
Foto: Biblioteca de imagens do Canva

Existem muitos fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho. Conhecê-los é vital para quem quer uma vida mais feliz e produtiva, em que o momento de trabalho seja apenas uma fase do dia, sem grandes complicações ou sofrimentos. Afinal, essa é a ideia base por trás do conceito de saúde ocupacional, que foca em manter a saúde física e mental dentro do ambiente de trabalho.

Hoje em dia, com a grande adoção do Home Office no Brasil, esse conceito tem sofrido alguns desafios muito específicos. A começar, por exemplo, pela dificuldade de implementar certas ações em casa para manter uma maior saúde ocupacional. Um dos fatores que mais atrapalha esse tipo de cuidado é o fato de que, em casa, as pessoas sempre acabam trabalhando mais horas do que se estivessem no escritório.

Por isso, é importante conhecer alguns fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho. Veja quais abaixo!

5 fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho

1. Estabeleça uma rotina

Trabalhar em múltiplas tarefas pode ser desgastante se você não souber como administrar seu tempo. Divida sua rotina em 3 etapas: diária, semanal e mensal. Distribua suas tarefas de acordo com a frequência e importância de elas serem executadas, em metas realistas. Por exemplo, se você tiver 3 reuniões que duram em média 2 horas cada, sabe que não pode colocar outras tarefas de longa duração no mesmo dia, pois provavelmente não conseguirá cumprir em tempo hábil e irá se frustrar.

Crie o hábito de seguir a rotina planejada nos dias certos para administrar melhor seu tempo e a sua energia.

2. Inclua descanso na agenda

Não é só de reuniões e prazos que a agenda do trabalho é feita. Todas as coisas importantes devem estar presentes em seu planejamento diário, incluindo a pausa para descanso. Algumas pessoas usam a técnica Pomodoro para administrar produtividade x pausa. A técnica consiste em montar ciclos de 25 minutos de trabalho intercalados por pausas de 5 minutos para descanso. Esse método ajuda a focar e otimizar o trabalho, além de não sobrecarregar o corpo e o cérebro.

Outra dica é dividir a duração de seu trabalho diário em 3, e fazer um descanso de meia hora a cada terço atingido. Nesta pausa você pode comer um lanche saudável, alongar o corpo, beber água e relaxar com os colegas de trabalho.

3. Pratique atividades físicas

A prática de exercícios físicos melhora o bem-estar emocional e psicológico, além de mantê-lo enérgico e bem-disposto ao longo do dia. Por isso, ter uma rotina de atividades físicas fora do horário de trabalho beneficiará também a vida dentro do emprego.

Escolha o exercício que mais se encaixa com seus gostos pessoais. O importante é praticá-lo ao menos 3 vezes por semana, com a duração de, no mínimo, 40 minutos.  Essa é a frequência necessária para começar a ver os benefícios da atividade em seu corpo e sua mente. No entanto, a OMS recomenda 300 minutos de atividade física moderada por semana. É um pouco mais do que o mínimo mencionado, mas o suficiente para manter o seu corpo mais saudável.

4. Seja cordial com a sua equipe

Trabalhar pode ser estressante, principalmente se você tem que lidar com problemas todos os dias. É compreensível que nem sempre se esteja no melhor humor, mas descontar isso na equipe só irá piorar o clima no ambiente de trabalho.

Veja seus colegas como pilares de apoio, pessoas com quem pode confiar e dividir o trabalho, sem se esquecer de se divertir ao lado deles também. Afinal, são essas as pessoas com quem você convive um terço do seu dia, todos os dias.

5. Organize seu dia em um planner

Todos temos várias ações a serem realizadas no dia de trabalho. Desde fazer determinadas tarefas a participar de reuniões com a equipe, são muitos pequenos compromissos que devemos realizar todos os dias.

No entanto, como são coisas tecnicamente “pequenas”, é normal ficar apenas com elas na cabeça, em vez de anotar em um planner ou calendário digital. O problema é que esses compromissos apenas na cabeça ficam ocupando espaço mental, o que atrapalha na realização das suas tarefas.

Por isso, vale a pena comprar um planner para colocar todos os seus compromissos de cada dia ali e “esquecê-los”, focando apenas em realizar cada tarefa de uma vez. Como eles estão anotados, você nunca perderá nenhum compromisso e conseguirá ser mais produtivo no dia a dia.

Agora que você já viu esses 5 fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho, é hora de começar a colocá-los em prática. Portanto, organize melhor a sua agenda e tome cuidado com a sua saúde física, mas também mental, durante suas horas de produtividade, seja em Home Office, seja na sede da sua empresa. Isso é vital para garantir menos problemas no longo prazo.

Você conhece outros fatores para melhorar a qualidade de vida no trabalho? Se sim, comente-os abaixo!