CruzeiroEsporteFutebol

“Em momento algum eu pensei em tirar o Mano, o time é que está jogando mal”

O vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Itair Machado, e o capitão do time, Henrique, concederam ontem uma coletiva na Toca da Raposa II. O principal motivo da coletiva é atual má fase que o time vem passando. A equipe teve uma grande queda de rendimento e levou uma goleada do Fluminense no último sábado(18).  

O dois negaram que o clube esteja em crise e esclareceram alguns pontos. Umas das falas mais fortes do vice-presidente foi ao afirmar que a culpa da atual fase do clube é dos atletas. Ele também disse que nunca pensou em tirar o comando do time das mãos de Mano Menezes.  

Em momento algum eu pensei em tirar o Mano, até porque os jogadores sabem que nesse momento a culpa é dos jogadores, o time é que está jogando mal”.

Itair também falou sobre o que ele chamou de “mentiras” que foram veiculadas na mídia sobre o clube. Ele afirmou que não existe crise no Cruzeiro, que o clube está com as contas em dia e que não deve nada do ano passado. Ele tranquilizou a torcida celeste.

“Nós não temos um grupo rachado, nosso grupo está unido. Acabamos de fazer uma reunião ali que é rotineira quando os resultados não vêm. E nós aqui do clube, queremos tranquilizar a torcida, está tudo bem”.

Ele ainda declarou que a reunião não foi com o intuito de cobrar: “a gente não teve motivo ainda para ter reunião de cobrança, de xingar, de reclamar. Ela foi construtiva e um alerta de que nós podemos mais”.

Henrique destacou a importância do apoio da torcida neste momento.

A gente vem aqui para explicar que nós estamos juntos. Nós jogadores também estamos nos cobrando a cada dia mais para ter um melhor desempenho, trazer os resultados. E isso só vai acontecer com a gente junto: com o torcedor nos apoiando, como sempre tem feito, nos incentivando dentro e fora de campo, cantando e vibrando com a gente”.

CPI do Mineirão

Itair Machado também se posicionou sobre a CPI do Mineirão.

Eu acho que o Cruzeiro não deve se envolver nisso, nós temos que focar no futebol. Isso cabe ao Governo, aos deputados procurar o que é certo o que é errado, e no final que seja decidido o melhor para os cofres do Estado”.

Ele ainda salientou a vontade que o Cruzeiro tem de administrar o estádio.

A gente não esconde o grande desejo do Cruzeiro assumir o Mineirão. Isso é considerado por todos na Toca III“.

O dirigente ainda declarou que: “o Cruzeiro não tem bom relacionamento com a Minas Arena e nem temos a intenção de ter”, concluiu Itair.

Facebook Comments

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios