Take a fresh look at your lifestyle.

Em nota, Samarco esclarece situação atual sobre retomada de atividades

“A Samarco tem feito todos os esforços para manter os empregos e honrar com os compromissos trabalhistas. A empresa cumpriu com todos os acordos firmados com os sindicatos ao longo desta fase de paralisação das operações da empresa, que em abril completa um ano e cinco meses. O quadro atual de cerca de 1.800 empregados foi dimensionado considerando um eventual retorno das operações no segundo semestre deste ano, após o devido processo de licenciamento ambiental. Essa expectativa, contudo, está comprometida devido à dificuldade em obter uma carta de conformidade da Prefeitura de Santa Bárbara para a captação de água que a empresa já fazia nesse município. O documento é necessário para o protocolo da Licença de Operação Corretiva junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad). Em função do atual cenário de incerteza no licenciamento, a empresa poderá fazer ajustes no quadro de empregados.

A Samarco esclarece que vem há mais de seis meses empreendendo esforços para chegar a um entendimento com a Prefeitura Municipal de Santa Bárbara. No entanto, a prefeitura exige compensações que, no âmbito da legislação, são de competência exclusiva da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad). A empresa informa também que, a pedido da prefeitura municipal, apresentou em 24 de fevereiro o estudo de autodepuração do rio Santa Bárbara, realizado pela Potamos, que tem renome internacional. O documento comprova que não há impactos significativos da captação de água. Conforme o estudo, considerando cenários com e sem a captação, os teores de oxigênio dissolvidos na água sempre permanecem dentro dos padrões previstos pela legislação”.

Close