A energia da virada do ano pode ser bem aproveitada, pois recitar mantras atrai uma positividade que dura o ano inteiro. Muitas pessoas costumam usar roupas de determinadas cores para atrair o significado da cor, como por exemplo, o verde para prosperidade ou o branco para ter paz, e isso faz todo o sentido, porque é um momento em que milhões de pessoas estão com o pensamento positivo, o que gera uma vibração muito alta para a humanidade.

E vale tudo quando a assunto é fé, desde a tradicional sopa de lentilha, colocar folha de louro na carteira, pular as sete ondas, etc. e tal. Existem saberes populares que não requerem comprovações científicas, são rituais de origens indígenas e africanas, passados de geração em geração antes de chegar à civilização atual. Quem acredita, pratica, Basta acreditar!

Espiritualmente falando, nada acontece em vão, tudo o que falamos ou praticamos neste sentido retorna para nós. Jogamos para o universo e ele nos devolve na mesma proporção. Por isso é importante escolher as palavras e pensamentos, antes de agir, nós pensamos, e no que pensamos? Em quais ações mentais estamos depositando nossas energias? Quais serão as nossas práticas em consequência de tais pensamentos? Estas são perguntas que podemos fazer para nós mesmos a fim de conseguir controlar nossos impulsos e atitudes, lembre-se, tudo começa no pensar.

Partindo desse pressuposto temos que o Réveillon não se inicia às 00h, e sim no começo do dia, embora aqueles instantes entre o ano velho e o ano novo sejam mágicos e muito poderosos. Devemos cuidar dos pensamentos, palavras e ações praticados durante o último dia do ano, como também no primeiro dia do ano.

Recitar mantras é um ato muito potente, mas os pensamentos e ações precisam estar alinhados, coerentes com as palavras que iremos declamar na virada.

O que fazer durante o último dia do ano

Acumulamos energias ao longo do ano inteiro,