O que você procura?

Novo técnico do Atlético tem história emocionante envolvendo seu filho e o Monterrey

Antonio Mohamed estava livre no mercado desde que foi demitido do Monterrey, no fim de 2020, numa passagem de três títulos e participação no Mundial de Clubes de 2019 .
Rômulo Soares 13 de janeiro de 2022 às 22:29
Tempo de leitura
4 min
Foto: Hector Vivas/Getty Images
Foto: Hector Vivas/Getty Images

Finalmente, o Atlético tem um novo treinador. Após várias buscas no mercado, o Galo será comandado por Antonio “Turco” Mohamed, que tem 51 anos, é argentino e tem longa passagem no futebol mexicano. O contrato com o técnico, a princípio, é de um ano. Além disso, ele chega a Belo Horizonte com uma comissão técnica enxuta, o treinador e mais três pessoas.

O técnico estava livre no mercado desde que foi demitido do Monterrey, no fim de 2020, numa passagem de três títulos e participação no Mundial de Clubes de 2019 vencido pelo Liverpool, da Inglaterra. Mohamed era o técnico do Tijuana, eliminado pelo Atlético na Libertadores 2013, no famoso “Milagre do Horto”, quando o ex-goleiro Victor defendeu pênalti de Riascos aos 47 minutos do segundo tempo, no jogo da volta das quartas de final.


Antonio “Turco” Mohamed é idolatrado pelo Huracán, onde foi jogador, treinador e tem a pretensão de ser presidente um dia. Ele chegou a jogar no Boca Juniors, até fazer carreira no México. Por lá, passou por inúmeras equipes e títulos: Campeonato Mexicano de 2012 no Tijuana; de 2014 pelo América; e de 2019 no Monterrey. Além de duas Copas México pelo Monterrrey em 2017 e 2019.

No Monterrey, ele foi o comandante da equipe que ficou em terceiro lugar no Mundial de Clubes de 2019, eliminado pelo Liverpool, que foi campeão contra o Flamengo na final. Mohamed ficou um ano sem treinar nenhuma equipe. Vez ou outra, era ligado para assumir times do México (Cruz Azul, Tijuana, o próprio Monterrey), ou retornar à Argentina. Chegou a ser procurado até por clubes da MLS. Em 2022, ele acertou com o Atlético para ser o substituto de Cuca, o comandante mais vitorioso da história do Atlético.

Uma história curiosa do novo reforço do Atlético é que na semifinal do Mundial de Clubes, contra o Liverpool, na segunda metade da etapa complementar, quando o jogo estava empatado em 1 a 1, Mohamed e Jugen Klopp (técnico dos Reds) se desentenderam, com o treinador argentino até chamando o comandante adversário para uma briga.

Porém, além da carreira vitoriosa e a personalidade forte, o novo técnico do Atlético também tem uma história emocionante, que ultrapassa as quatro linhas. Em 2006, Antonio viajava com a sua família para a Alemanha. Lá, ele realizava o sonho de seu filho, de 9 anos, Farid, de assistir uma Copa do Mundo. O principal jogo escolhido foi Argentina contra Alemanha, com os alemães se classificando nos pênaltis, nas quartas de final.

Após a partida, ele e sua família foram rumo ao aeroporto de Frankfurt para deixar a cidade. Porém, uma tragédia mudou todos os planos da família. O carro que estavam foi atingido por outro em alta velocidade. Farid foi levado ao hospital às pressas, mas não resistiu. Antonio Mohamed perdeu seu filho após fazerem o programa preferido dos dois, assistir futebol.

Novo técnico do Atlético tem história emocionante envolvendo seu filho e o Monterrey
Foto: Redes sociais

O “Turco” não tinha uma carreira das mais badaladas como treinador, mas ele fez uma promessa de ser campeão da primeira divisão como técnico do time de coração de seu filho, o Monterrey. Em 2017, Antonio foi campeão da Copa do México, mas ainda não era o objetivo principal.

Mohamed era sempre visto com um terço no banco de reservas. Quando foi questionado pela imprensa, disse que o amuleto era para sentir a companhia de seu filho nos jogos do Monterrey. Então, em 2019, “Os Listrados” foram campeões do Campeonato Mexicano nos pênaltis. Quando o câmera da transmissão filmou Antonio no banco, registrou uma imagem que correu o mundo. Um choro aliviado de promessa cumprida.

Agora no Atlético, Antonio Mohamed terá a missão de comandar o Atlético, após a campanha mais vitoriosa da história do clube alvinegro. O Galo terá pela frente o Campeonato Mineiro, Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e a Copa do Brasil. Para seguir conquistando títulos, o time mineiro já contratou os atacantes Ademir e Fábio Gomes, além do zagueiro Diego Godín.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.

Última atualização em 18 de janeiro de 2022 às 08:47