Copa do BrasilCruzeiroFluminenseFutebolUncategorized

Fábio e Thiago Neves são decisivos na classificação do Cruzeiro na Copa do Brasil

O camisa 10 marcou os dois gols cruzeirenses da partida; já Fábio defendeu pênalti de joia tricolor

Teste para cardíaco. Essa frase resume o que foi a partida de ontem (05), entre Cruzeiro e Fluminense, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Teve pênalti perdido e gol de bicicleta nos acréscimos do segundo tempo Mas dois nomes foram essências na classificação celeste: Thiago Neves e Fábio.

Thiago Neves

Em uma equipe abalada, que há sete jogos não sente o gosto da vitória, a experiência de Thiago Neves muda a cara das partidas. No domingo, pelo Brasileirão, o jogador marcou um golaço de falta, que impediu mais uma derrota celeste e deu ânimo ao torcedor para a decisão na Copa do Brasil.

Ontem, Thiago teve uma atuação digna de um camisa 10, sendo ele o responsável pelos dois gols do Cruzeiro na partida. No primeiro tento, o jogador mergulhou no meio da área e de peixinho empatou a partida para a Raposa. No segundo, após o VAR sinalizar penalidade máxima de Caio Henrique em Lucas Romero, Thiago Neves marcou o gol da virada celeste.

Pênaltis

A decisão foi para os pênaltis após a joia do Tricolor, João Pedro marcar de bicicleta nos acréscimos. E mais uma vez Thiago Neves fez nevar no Mineirão. Após as cobranças alternadas, como é de praxe, ficou a cargo do camisa 10 o pênalti decisivo.O jogador chutou com segurança no gol de Agenor e marcou o gol da classificação celeste.

Fábio 

Um dos maiores atletas de todos os tempos do Cruzeiro. E no jogo de ontem, Fábio escreveu mais um capítulo de sua história gloriosa no clube. O camisa 1 fez grandes defesas no tempo normal de jogo, e defendeu a cobrança de João Pedro nos pênaltis.

Pênaltis e VAR

Além dos dois jogadores destaques da partida, o jogo também chamou atenção pela quantidade de pênaltis e do uso do VAR. Ao todo foram três penalidades marcadas no tempo normal, sendo duas com o auxílio do árbitro de vídeo.

Torcida

A torcida celeste deu um verdadeiro show no Mineirão. Mesmo com o time atrás no placar e perdendo uma cobrança de pênalti, ela não parou de cantar e apoiar o time. Ao todo, 47.460 torcedores assistiram a classificação dramática do Cruzeiro.

 

 

Deixe seu comentário

Etiquetas
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar