Ultimate magazine theme for WordPress.

Garoto que teve perna amputada devido à linha chilena recebe alta médica

O adolescente Gabriel Alves, de 15 anos, que teve sua perna amputada na última semana, recebeu alta médica na manhã deste domingo (28). O garoto foi gravemente ferido com uma linha chilena, em Betim, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte.

Gabriel estava internado desde o último sábado (20), quando foi atingido pela linha enquanto andava na rua. O adolescente teve a perna esquerda amputada na última quarta-feira (24). Desde então, o jovem tem comovido as pessoas com sua história.

O garoto teve cortes profundos, atingindo assim, veias, artérias e nervos da perna. Segundo testemunhas, a linha chilena agarrou em um veículo, que não viu a presença do material, e acabou atingindo o jovem. A linha chilena, material que feriu Gabriel, é utilizada para soltar pipa. A linha tem um corte 4 vezes mais potente que o cerol.

Durante sua internação, Gabriel recebeu apoio de famosos e empresários. O adolescente, que tinha o sonho de ser jogador de futebol, recebeu, nas redes sociais, apoio de jogadores famosos. O jogador Fred, do Cruzeiro, e Luan do Atlético, desejaram forças e uma boa recuperação ao garoto.

Ainda no hospital, Gabriel recebeu a visita do empresário e prefeito de Betim, Vittorio Medioli. Medioli, que também é fundador do grupo SADA, prometeu ajudar o garoto. Responsável pelo time de vôlei SADA Cruzeiro, o prefeito do município colocou a disposição de Gabriel o ortopedista do time, para auxiliar na recuperação do adolescente. Além do ortopedista, o empresário prometeu doar uma prótese para o garoto.

Além de Vittorio Medioli, o fisioterapeuta e protesista Fabrício Daniel de Lima, também se comprometeu a ajudar Gabriel. “Eu me sensibilizei, senti que é um caso que ele pode representar muito para os outros deficientes físicos”, disse Fabrício.

De acordo com o protesista, em no máximo 40 dias após retirar os pontos, Gabriel já poderá usar sua prótese.

Comentários do Facebook