CelebridadesDatasMúsica

Gilberto Gil comemora 77 anos de vida: “a fé não costuma faiá”

Provavelmente você já ouviu uma das seguintes canções: “Andar com Fé”, “Esperando na Janela”, “Toda Mina Baiana” e “Sítio do Pica-Pau Amarelo”. Pois é, estes e outros hits são clássicos da Música Popular Brasileira, escritos e interpretados por Gilberto Gil, que comemora nesta quarta-feira (26), 77 anos de vida.

Gil é um baiano de olhos leves, voz suave, passos vagarosos que, aos poucos, foi conquistando o público através da sua vasta obra. Ele coleciona um arsenal de músicas que foram e são ouvidas em todo o mundo, ultrapassaram gerações.

Com um carisma ímpar e muita musicalidade, Gil apresenta em seus trabalhos musicais fortes influências da música afro-brasileira, herdada da sua terra.

O soteropolitano nasceu em 26 de junho de 1942, sendo filho primogênito de dona Claudina Passos Gil Moreira com o médico José Gil Moreira. Gil se formou em Administração pela Universidade de Bahia, mas logo seus passos iriam caminhar em outra direção.

  Cinco músicas para os signos Câncer, Leão e Virgem

Mudou para São Paulo em 1965, mesmo ano em que se casou com sua primeira esposa, Belina de Aguiar. Em São Paulo, Gil dividiu seu tempo entre trabalhar e se dedicar à música, e em terras paulistas nasce Nara Gil, seguida por Marília Gil. Em 1967, Gil se separa de Belina e vive uma amor passageiro com a cantora Nana Caymi que logo chega ao fim.

Gilberto então cria o movimento Tropicália e acaba sendo preso em dezembro de 1968, durante o Regime Militar, que a essa altura atendia as demandas do Ato Institucional 5 (AI 5). Caetano Veloso, amigo e parceiro de música de Gil, também foi preso na época. O motivo para a prisão seriam as letras dos artistas que faziam severas críticas ao abusos cometidos pelos militares durante a ditadura. Em meio a toda essa confusão, surge Sandra, a mulher para quem escreveu a conhecida música “Drão”, pois o apelido de Sandra era Sandrão. Gil ficou preso até fevereiro do outro ano, porém, por ordens judiciais, permaneceu até junho confinado em casa e depois acabou sendo exilado do país.

  Cinco músicas compatíveis com Áries, Touro e Gêmeos

O cantor se casa com Sandra e do relacionamento nasce Pedro Gadelha Gil Moreira, em Chelsea. Em 1974, Gilberto retorna ao Brasil com a família, e nasce em terras cariocas a Preta Gil, e anos depois nasce em Salvador a quinta filha do artista, Maria Gadelha Gil.

Em turnê ao lado de Gal Costa, Maria Betânia e Caetano Veloso, Gil foi preso em Florianópolis (SC) por estar fumando maconha. Para se defender do flagrante, ele alegou dependência química, porém diante do juiz disse que “gostava da maconha e que seu uso não lhe fazia mal e nem lhe levava a fazer o mal”.

Gil se separa de Sandra e se casa com Flora Nair, com quem tem Isabela Giordano Gil, Bem Giordano Gil e José Gil Giordano Gil. No total, o artista teve oito filhos. Pedro Gil, seu primeiro filho, morreu após sofrer um acidente de carro.

  Cinco músicas para os signos Câncer, Leão e Virgem

Gilberto Gil já foi Ministro da Cultura do Brasil, quando fez valer as Leis de Incentivo à Cultura em todo o território nacional. Ele foi importante na democratização da arte no país. O artista é colecionador de Grammys, inclusive do Gramy Latino de Música, e foi nomeado pela UNESCO em 1999 como o “Artista da Paz”.

Confira abaixo uma das obras de Gilberto Gil, que, mais do que um artista, é um símbolo de resistência negra e política do Brasil.

Fechar