Goleiro Bruno, em regime semiaberto, acerta com time de Poços de Caldas

Por

O presidente do Poços de Caldas F.C, Paulo César da Silva, afirmou ter contratado o goleiro Bruno e, segundo ele, o jogador que está em regime semiaberto deverá ser apresentado nos próximos dias. O time irá disputar a terceira divisão do Campeonato Mineiro no segundo semestre do ano que vem.

Para Bruno poder se mudar para Poços de Caldas e poder integrar o elenco do time no sul de Minas, ele precisará da permissão da Justiça, já que cumpre sua pena em regime semiaberto domiciliar pelo homicídio de Eliza Samúdio e pelo sequestro e cárcere privado de seu filho.

A advogada de Bruno, Mariana Migliorini, confirmou a proposta e disse que está faltando os últimos acertos que deverão acontecer no decorrer dessa semana.

Nas redes sociais, o Poços de Caldas F.C fez um post dizendo: “Nosso trabalho é um trabalho social dando oportunidade para todos. Em breve estaremos anunciando uma grande contratação. E desde já, meus agradecimentos à todos.”

Bruno Fernandes precisa morar em Varginha, segundo a decisão do juíz Tarciso Moreira de Souza. Com isso, o goleiro encontra alguns obstáculos para poder voltar a atuar jogando futebol, já que Poços de Caldas, onde ele precisa treinar, fica a 154 quilômetros da cidade onde se localiza a comarca do ex-atleta. Além disso, na decisão judicial, o ex-presidiário precisa de uma autorização para poder ir para qualquer cidade, o que também dificultaria em caso de jogos fora de casa.

Deixe seu comentário

Tags :

Postado em 14 de agosto de 2019