Em meio às transformações do mercado automobilístico, o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva expressou sua opinião sobre a projeção da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) de que o programa de incentivo do governo à compra de carros novos possa ter vida curta.

O presidente comentou: “Fizemos um ajuste no preço dos automóveis. Segundo uma notícia que vi hoje, parece que o programa só vai durar um mês”. As palavras foram proferidas durante a “Conversa com o Presidente”, uma transmissão ao vivo pelas redes sociais da presidência.

O programa governamental em questão, lançado na semana anterior, oferece descontos que variam de R$ 2 mil a R$ 8 mil em veículos de até R$ 120 mil. Contudo, algumas montadoras já ampliaram os descontos para até R$ 10 mil.

Para equilibrar a balança, o governo fornecerá compensações às empresas em forma de créditos fiscais, permitindo que os descontos concedidos sejam deduzidos de futuros impostos a pagar.

Com um total d