Manu Gavassi para leigos: da fama youtubiana ao estrelato

Mais conhecida como Manu Gavassi, Manoela Latini Gavassi Francisco é capricorniana, nascida em São Paulo, em 4 de janeiro de 1993, e leva a sério o lema principal de seu signo: enfrentar qualquer obstáculo para alcançar o mais elevado objetivo.
De personalidade determinada, ela já se aventurou por diferentes caminhos: música, novelas, dublagens e escrita. Ela começou a carreira com vídeos que ela postava no YouTube até ser descoberta pelo produtor musical Rick Bonadio que a levou para a música e, claro, contou com a ajuda do pai que é radialista.

MÚSICA

Como cantora e compositora, manu já lançou três álbuns: “Manu Gavassi” (2010), “Clichê Adolescente” (2013) e “Manu” (2017).
Seu álbum de estreia, o “Manu Gavassi”, foi produzido por Rick Bonadio e tem treze músicas compostas pela própria que traz uma carga adolescente muito forte, abordando temas do seu cotidiano e da sua vida amorosa que se encaixa muito bem para esse público.
Do álbum, foram extraídos três singles: “Garoto Errado”, “Planos Impossiveis” e “Você tá Namorando”.
O clipe de estreia da cantora tem quase cinquenta milhões de visualizações no YouTube. Assista:

No segundo álbum, o “Clichê Adolescente”, ela está mais focada no teen pop, ainda para o público mais jovem. Dele foi extraído dois singles: a faixa-título e “Segredo”, que tem participação de Chay Suede (“Amor de Mãe”).
Esse álbum também rendeu a gravação de um mini-documentário, também chamado de “Clichê Adolescente”, que revela os bastidores da gravação e detalhes da carreira da cantora.
Assista:

Seu terceiro e último álbum de estúdio foi o Manu, lançado em abril de 2017 pela Universal Music. Os álbuns anteriores foram lançados pela Midas Music.
Esse disco mostra uma Manu um pouco mais adulta e mais madura, musicalmente falando, porém ainda com essência dos álbuns anteriores. O álbum tem doze faixas e foram lançadas três singles: “Hipnose”, “Muito Muito” e “Me Beija”.
O clipe de “Me Beija” foi roteirizado por Manu e tem referências a ícones POP dos anos 2000, como o filme “Meninas Malvadas”, a capa da revista Rolling Stone de Britney Spears com um Teletubbie, a famosa boneca Barbie e os looks da socialite Paris Hilton.
Assista:

 

CINEMA, TV & INTERNET

No cinema, Manu Gavassi dublou a personagem Dorothy Gale no filme “A Lenda de Oz” (“Legends of Oz: Dorothy’s Return”), lançado em 2013. Ela também integrou o elenco do filme nacional “Socorro, Virei Uma Garota!” interpretando a personagem Melina. O filme foi escrito por escrito por Paulo Cursino e dirigido por Leandro Neri (“Apocalipse”).
Já na TV, ela participou das novelas “Em Família” e “Malhação: Sonhos”, ambas em 2014. Além disso, ela participou de outras projetos em parcerias com a TV aberta e a TV por assinatura.
Mas foi na Internet que a jovem encontrou sua identidade e seu público. Prova disso, é que ela acaba de bater a marca de 11 milhões de seguidores no Instagram, grande parte graças ao BBB 20, claro..
Atualmente ela está confinada na casa do Big Brother Brasil, onde ela acabou de passar por um paredão histórico com Felipe Prior. A cantora enfrentou Prior e Mari. Prior foi o eliminado com 56,73% dos votos em uma votação histórica que rendeu, nada mais, nada menos, do que exatos 1.532.944.337 votos.

LITERATURA

Na arte da escrita, Manu lançou o livro “Olá, Caderno!”, em 2017, pela editora Rocco. A obra é uma ficção adolescente escrita a partir de entradas num diário. Ou melhor, caderno.
O livro, repleto de ilustrações, conta a história de Nina, uma garota de 17 anos que como tantos adolescentes sabe o que quer da vida, mas não tem muita certeza sobre quem é ou como se encaixa no mundo. A partir de sua perspectiva ácida e bem-humorada, divide com o leitor suas experiências, paixões, alegrias, dúvidas e tristezas.
O livro ainda por se encontrado, em formato digital, no site da Rocco e em livrarias virtuais.

Comentários