Mariana adota uso obrigatório de máscaras nas ruas da cidade

O prefeito de Mariana, cidade localizada na região dos Inconfidentes, Duarte Júnior, afirmou em vídeo publicado na manhã desta quinta-feira (16), em seu Facebook, que a cidade de Mariana irá adotar o uso obrigatório de máscaras para circular nas ruas do município, assim como foi determinado em cidades como Belo Horizonte, Betim e Nova Lima. A utilização das máscaras tem como objetivo evitar a transmissão do novo coronavírus.

“Fica determinado que todas as pessoas utilizem máscaras, de preferência caseiras, sempre que saírem de casa, para evitar a transmissão comunitária do coronavírus a partir dos prazos fixados neste Decreto”, leu Duarte, sendo este o 1º artigo do documento.

Além disso, o Decreto enfatiza que todos os usuários e condutores de transporte coletivo, transporte individual, táxis, aplicativos, mototáxis, entre outros, deverão utilizar as máscaras. Veja o vídeo na íntegra clicando aqui.

O prefeito disse ainda que estabelecimentos comerciais como agências bancárias e casas lotéricas terão prazo de 48h para se adequarem as normas descritas no Decreto. Já a população terá um prazo de 72h para se adaptarem.

Descumprimento

De acordo com o site da Prefeitura Municipal, em caso de descumprimento as pessoas serão orientadas a voltar para casa e caso haja resistência, um boletim de ocorrência será feito. Em relação aos comércios e bancos é previsto uma notificação de regularização de 24h. Após esse período, caso seja constatado que nada foi feito, o local estará sujeito à cassação do alvará de funcionamento.

Coronavírus em Mariana

De acordo com o Informe Epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Mariana ontem (15), na cidade existem 51 casos notificados, seis casos confirmados, 33 casos descartados e oito casos em investigação. Além disso um óbito tendo o COVID-19 como causa foi confirmado e outro está em investigação. Seis paciente suspeitos se encontra em internação clínica e os demais seguem em isolamento domiciliar, bem como seus familiares.

Veja também: Mariana confirma cinco casos e um óbito por coronavírus

Comentários