Minas Consciente: Região Norte e Sul avançam para onda amarela; Nordeste e Sudeste para a onda branca

As cidades das regiões Norte e Sul de Minas Gerais que aderiram ao programa “Minas Consciente” poderão entrar na “Onda Amarela” a partir do próximo sábado (18). A informação foi anunciada pelo secretário-adjunto de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, nesta quinta-feira (16).

Com o avanço, comércios como salões de beleza, lojas de roupas, calçados, livrarias e papelarias poderão voltar o funcionamento nas regiões Norte e Sul de Minas.

Já as regiões Nordeste e Sudeste também terão avanço, da “Onda Verde” para a “Onda Branca” no próximo sábado. As regionais Centro-Sul e Leste do Sul já se encontram nesta fase de reabertura, em que é permitido o funcionamento de autoescolas, lojas de artigos esportivos e floriculturas.

O Minas Consciente é um plano para orientar gestores municipais, que têm a liberdade de aderirem ou não. As fases para retomada das atividades econômicas são divididas em ondas: onda verde, que só permite funcionamento de atividades essenciais; onda branca, que são as atividades consideradas menos arriscadas; onda amarela e onda vermelha, sendo esta última voltada para a retomada das atividades mais arriscadas do ponto de vista da saúde. Segundo Passalio, 200 das 853 cidades aderiram ao programa até o momento.

Coronavírus em Minas

De acordo com o último Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), divulgado na manhã desta quinta-feira, Minas Gerais tem mais de 84 mil casos confirmados de Covid-19, sendo que 1.834 pessoas morreram.

Antes era previsto o pico, agora o governo fala em “platô”, ou seja, uma estabilidade de casos ao longo dos dias. De acordo com o secretário de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, provavelmente esta semana será a com maior incidência de casos confirmados de coronavírus em Minas Gerais.

Comentários estão fechados.