Minas Gerais vai retomar 34 mil vagas de Tempo Integral em escolas

O Governo de Minas Gerais anunciou que irá retomar cerca de 34 mil vagas de tempo integral, em escolas do estado. Entretanto, ainda há um déficit de vagas. O anúncio foi feito pela Secretaria de Educação, em uma coletiva de imprensa.

De acordo com Julia Sant’anna, Secretária de Educação do Estado, o déficit é de 47 mil vagas. Este déficit tem previsão de ser zerado até 2020. No ano passado haviam 110 mil vagas em tempo integral em Minas, porém em abril deste ano o governo cortou 81 mil destas vagas.

O corte de vagas no projeto Escola em Tempo Integral foi motivado por falta de verba. Segundo o governo, não havia recursos para merenda e transporte dos alunos.

A Secretária ainda afirmou que o governo iria expandir 25 mil vagas. No entanto, após pressão da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, a secretaria expandiu mais 9 mil. Ou seja, o número de vagas chega ao total de 34 mil.

A retomada do projeto estava prevista para o ano que vem. Porém, as aulas começam integralmente no dia 29 de julho e serão atendidos alunos do 4°, 5° e 6° anos.

Critérios de escolha

As instituições de ensino que serão beneficiadas pelo projeto Escola em Tempo Integral serão selecionadas através de critérios específicos. Dessa forma, haverá prioridade para atender escolas que já haviam ofertado esse tipo de vagas no ano passado.

Além disso, a instituição deverá ter solicitado a continuidade do projeto e ter disponibilizado pelo menos uma turma, com no mínimo 15 alunos, para o ensino em tempo integral.

Comentários