Uma mulher de 30 anos morreu afogada em Itabirito, na Cachoeira das Borboletas, no distrito de Acuruí. De acordo cm a Brigada Municipal, a vítima do acidente fatal estava fazendo rapel com uma equipe e, segundo o instrutor, depois que ela desceu a rota pela corda na Cachoeira, foi nadar até a outra margem e se afogou. O acidente ocorreu no último domingo, em 30 de abril.

O Corpo de Bombeiros de Ouro Preto e a Brigada Municipal de Itabirito retiraram o corpo através de mergulho, no dia 1º de maio, a vários metros de profundidade e em local de difícil acesso. A perícia da Polícia Civil foi acionada para averiguar as possíveis causas do afogamentos e identificar a vítima, que é de Nova Lima, cidade da Região Metropolitana do estado, vizinha de Itabirito.

“Importante frisar que ao praticar atividades radicais ou passeios em Parques, sempre pesquisar o local antes, os responsáveis pelo local, as rotas seguras, deixar sempre seu contato e localização com alguém de confiança e para a equipe de resgate ou bombeiros mais próximo e utilizar EPIs”, informa a Brigada Municipal.

Confira fotos da ocorrência feitas pela Brigada Municipal de Itabirito:

COMENTÁRIOS
Share.

Perfil publicador de releases e guest posts, sem autoria própria. Consulte a fonte ao final das matérias/artigos.