Nos pênaltis, Atlético elimina o Unión La Calera e se garante na Sul-Americana

Por

A noite de ontem foi de muito emoção para os atleticanos. O Galo recebeu o Unión La Calera no Independência e precisava reverter o resultado da ida, quando perdeu por 1 a 0. Para garantir a vaga nas oitavas de final, a equipe mineira precisa vencer a partida por dois gols de diferenças, o 1 a 0 levava a disputa para os pênaltis. E foi exatamente o que aconteceu.

Os primeiros 45 minutos de jogo, refletiram o Atlético das partidas passadas: uma equipe sem criatividade ofensiva. O empate em 0 a 0 da primeira etapa beneficiava o time visitante que marcou bem e deixou o tempo passar, administrando o resultado.

Do banco para o gol

O técnico Rodrigo Santana, sacou Chará e Alerrandro do banco. As mudanças deram uma nova cara para o Atlético que começou a buscar mais o gol. E para alívio dos atleticanos ele saiu. Aos 24 minutos do segundo tempo, Alerrandro marcou para o Galo. O Alvinegro continuo buscando o gol, mas o segundo não saiu e a vaga nas oitavas foi resolvida nos pênaltis.

Penâltis e da-lhe São Victor

Criticado nas últimas partidas, Victor mostrou o porquê de ter o apelido de santo. O goleiro pegou três cobranças de pênaltis. Uma delas lembrou a histórica defesa de Victor na Libertadores de 2013. Com a mesma perna esquerda que impediu Riascos de acabar com o sonho alvinegro, o goleiro parou a cobrança de Leyton e eliminou o time chileno da Sul-Americana. Com as três defesas de ontem, Victor alcançou a marca de 20 pênaltis defendidos com a camisa atleticana.

Agenda

O Galo volta a campo pelo Campeonato Brasileiro no domingo (02), às 19h. A partida será no Independência contra o CSA. O Atlético precisa vencer para se manter na vice-liderança do campeonato.   

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-MG 0 (3) x (0) 0 UNION LA CALERA

Local: Estádio Independência, Belo Horizonte (MG)

Data: 28 de maio de 2019 (Terça-feira)

Horário: 21h30 (de Brasília)

ATLÉTICO: Victor, Patric, Léo Silva, Igor Rabello, Fábio Santos, José Welison, Elias, Cazares (Chará), Luan, Geuvânio (Maicon Bolt) e Ricardo Oliveira (Alerrandro). Técnico: Rodrigo Santana.

UNION LA CALERA: Augusto Batalla, Yonathan Andía, Alvarado, Vilches, Navarrete, Wiemberg, Laba, Leiva, Larrondo, Lobos e Wager Bou. Técnico: Francisco Meneghini.

 

Postado em 29 de maio de 2019