O que você procura?


Com furtos e depredação, Mariana sofre com atos de vandalismo

Rômulo Soares 21 de setembro de 2021 às 12:12
Tempo de leitura
3 min
Foto: Reprodução/Facebook Juliano Duarte
Foto: Reprodução/Facebook Juliano Duarte

Em menos de 48 horas, dois bancos de madeira foram roubados no trevo da MG-129, também conhecido como Trevo da Bateia, em Mariana. O furto aconteceu na madrugada do dia 12 de setembro e a instalação foi realizada no dia 10.

De acordo com a Prefeitura de Mariana, a Guarda Municipal investiga o caso averiguando imagens na central de monitoramento que possam identificar os suspeitos. Toda a cidade e distritos são monitorados com mais de 100 câmeras de alta resolução, mas a câmera instalada no local cobre a rodovia e o trevo da cidade, não cobrindo onde os bancos ficavam.

Com furtos e depredação, Mariana sofre com atos de vandalismo
Imagem à esquerda com os bancos novos e à direita sem ele | Fotos: Prefeitura de Mariana/Divulgação e Reprodução/Google Street View

Segundo o prefeito interino de Mariana, Juliano Duarte (Cidadania), serão instalados 100 novos bancos de madeira semelhantes aos que estão localizados na Praça Gomes Freire. No local onde foram furtados os dois bancos, outros novos serão reinstalados, junto com iluminação e câmeras de segurança.

LEIA TAMBÉM:  Prefeitura de Mariana cede prédios do ICSA para a UFOP por tempo indeterminado

Crimes contra o patrimônio estão previstos no Código Penal no artigo 163 e são punidos tanto quem furta quanto quem comete receptação do bem furtado.

Mais atos de vandalismo

Na última segunda-feira, 20 de setembro, Juliano Duarte compartilhou uma postagem de uma moradora do bairro Colina revoltada com um espelho reflexivo de ponto cego que foi quebrado. Ela relata que esse é o terceiro que vê depredado e que provavelmente foi utilizado pedras para quebrar tal bem municipal.

Com furtos e depredação, Mariana sofre com atos de vandalismo
Foto: Facebook/Priscilla Tukoff

Além disso, Juliano Duarte também mostrou nessa segunda-feira que o letreiro “Eu Amo Mariana”, localizado em frente ao Centro de Convenções, foi quebrado com pouco mais de um mês que foi instalado. O prefeito interino da cidade disse que a Guarda Civil já foi solicitada para que seja verificado o que aconteceu utilizando as câmeras de segurança. Além disso, o artista Rinaldo Urzedo já foi informado sobre o ocorrido e já começou a fazer os reparos.

LEIA TAMBÉM:  Mariana terá a volta do carnaval em 2022

“Nós lamentamos esses atos de vandalismo que vem acontecendo na cidade de Mariana. Nós tivemos os bancos de madeira que nós adquirimos, furtados. Trocamos os bancos de ferro para os de madeira para deixar a cidade mais bonita e em menos de 48 horas foram furtados. Nós instalamos espelhos convexos em pontos cegos da cidade para dar mais segurança para os motoristas e pedestres e também tivemos três espelhos quebrados. E recentemente, nessa madrugada de domingo para segunda, uma parte do letreiro ‘Eu Amo Mariana’ também sofreu um possível ato de vandalismo, onde a letra ‘U’ foi jogada ao chão. Nós ficamos chateados, porque queremos deixar a cidade mais bonita, o patrimônio público é de todos nós, devemos zelar por ele, porque quem paga é a própria população. Vamos intensificar agora as fiscalizações com a Guarda Municipal e o monitoramento desses pontos com câmeras para que evitar que esses atos continuem ocorrendo na cidade de Mariana”, disse Juliano Duarte sobre os bens públicos depredados.

LEIA TAMBÉM:  Homem suspeito de estelionato é preso pela Polícia Militar em Mariana-MG
Última atualização em 21 de setembro de 2021 às 12:13